Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.
ACEITO
A Mulher que Amou Demais
Categorias
Autoajuda, Família E Relacionamentos, Relacionamento Conjugal, Amor E Romance, Codependência, Motivacional
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 3619 vezes desde 17/09/2015
Versão
impressa
R$ 38,86
Valor total:
R$ 38,86
Versão
ebook
R$ 13,98
Disponível em:
epub
Valor total:
R$ 38,86
Este ebook também pode estar à venda na:
Sinopse

Quando amar deixa de ser saudável, quando insistimos num relacionamento que só nos traz a humilhação, o desespero, a raiva, o ódio, a fraqueza, as decepções em cima de expectativas que não deveríamos ter feito, e mesmo com tanta falta de amor não temos capacidade de rompê-lo. As mensagens que recebi no tempo mais importante de minha vida foi, você é fraca sem atitude, você merece sofrer, será punida sempre que for preciso mesmo que seja por você mesma. E foi assim que construí no decorrer de minha vida relacionamentos desastrosos, complicados, violentos, humilhantes, no meu subconsciente estava registrado você precisa sofrer pra ganhar o amor do homem ideal em sua vida.

Características
Número de páginas 219
Edição 1 (2015)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 75g
Fale com o autor
Flora Dominguez

Sou uma aquariana cheia de sonhos e que ama a vida, tenho 3 filhas lindas e cada uma com uma característica minha e isso é uma benção. tenho 46 anos e de muitas lutas, sou terapeuta holística e amo cuidar de pessoas e meu dom maior é compreender a dor que as pessoas sentem, por ter sido uma mulher que amou errado.demais.

Espero que gostem de meu livro e a mensagem que ele traz e que levo pela minha vida nos dias de hoje: Me amar sempre em primeiro lugar mesmo que a única opção seja dizer Adeus. Beijos e que Deus seja sempre nosso escudo e fortaleza.

Comentários
0 comentários