Esquerdismo, Doença Infantil do Comunismo
Categorias
Ciência Política, Ciências Humanas E Sociais, Economia, Condições Econômicas, Política Econômica, Trabalho E Relações Industriais
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 6168 vezes desde 13/11/2016
Versão
ebook
R$ 12,90
Disponível em:
epub
Valor total:
R$ 12,90
Este ebook também pode estar à venda na:
Sinopse

Esquerdismo, Doença Infantil do Comunismo é um ensaio escrito por Lênin, publicado em 12 de maio de 1920. No livro, o autor ataca a estratégia de uma parte dos comunistas, membros da Terceira Internacional, sobretudo os alemães e os ingleses, acusando-os de desvio ideológico à esquerda.

A obra se divide em dez capítulos. O capítulo V critica os "comunistas de esquerda" da Alemanha, acusando-os de querer separar os chefes revolucionários da massa – contrapondo a ditadura das massas a uma suposta ditadura dos chefes. Lênin censura particularmente alguns "esquerdistas" alemães por considerarem os partidos políticos inúteis. Segundo Lênin, "negar a necessidade do Partido e da disciplina partidária (...) equivale a desarmar completamente o proletariado, em proveito da burguesia".

Nos capítulos de VI a VIII, Lênin defende a atuação dos partidos comunistas nos sindicatos mais atrasados e nos parlamentos burgueses. Defende também a necessidade de se estabelecerem acordos e compromissos. No capítulo IX, o alvo são os "esquerdistas" ingleses, censurados por se recusarem a estabelecer compromissos com o Partido Trabalhista, reformista, que congregava a maior parte da classe operária inglesa.

Características
Edição 1 (1920)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 75g
Comentários
0 comentários