Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.
ACEITO
Guerra Severina
Categorias
Literatura Nacional, Literatura Infanto Juvenil, Ficção e Romance
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 370 vezes desde 28/09/2020
Versão
impressa
R$ 47,07
Valor total:
R$ 47,07
Valor total:
R$ 47,07
Este livro pode estar à venda na:
Sinopse

Guerra Severina é um livro de ficção cujo contexto se passa na Idade Média, em algum lugar da Europa. Num período tomado por guerras e tirania, Henrique I invade o antigo reino governado por Andros. Severino, que até então era somente um camponês, vê-se como personagem principal de uma heroica guerra para libertar o seu reino das mãos do grande vilão, motivado pelas escrituras de um misterioso pergaminho guardado consigo, cujo conteúdo Severino prefere não revelar. Ajudado por Rober Homes Son, líder de uma aldeia vizinha que, para proteger seu povo e honrar o nome de seu velho amigo Andros, junta-se a Severino, contando também com a ajuda dos cavaleiros que, num passado um pouco distante, foram nomeados pelo próprio rei, cujos líderes principais são Arthur e Jorge Escaramuça, os melhores cavaleiros de toda a região. Eles reúnem seus exércitos para acabar com o grande vilão Henrique I durante a guerra, que mais tarde seria conhecida como “Guerra Severina”.

O livro, além de ação, trará consigo romance e muita emoção, com as paixões dos personagens, principalmente no amor de Rober por Rose. Além de poesias e filosofia vindas de um poeta proveniente da Itália, Lamoglia, e muita magia, ficção e mistérios trazidos pelo elfo Geziel.

Características
ISBN 978-65-000-9778-8
Número de páginas 171
Edição 1 (2020)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Polen
Fale com o autor
Yuri Carvalho

Meu nome é Yuri Carvalho. Nasci em 2002 e sou de Itajubá/MG. Escrevo desde os meus 14 anos.

Escrever sempre foi uma satisfação pessoal muito grande para mim, pois é quando me sinto livre para me colocar em qualquer período da história e em qualquer lugar do mundo, além de criar realidades, cenários e habitar neles durante todo o tempo em que estiver mergulhado na obra.

Criar personagens é uma experiência contínua, pois a cada personagem novo, busco aprimorá-lo de modo que seja o mais realista e profundo possível, de forma que se assemelhe a uma alma como qualquer outra existente. Certamente isso já me rendeu apegos sentimentais em que eu me via numa relação de afeto e quase amizade com meus próprios personagens; e isso sempre foi algo positivo.

Meu propósito com a escrita é explorar ao máximo a complexidade da natureza humana e convertê-la em material literário. É estar sempre em busca da verdade e, em paralelo, estar exaltando os valores perenes e inalienáveis ao homem, que, por condição, permanece inquieto enquanto não os conhece. Meu propósito com a literatura é ser atemporal.

Comentários
0 comentários