Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.
ACEITO
Eclipse Lunar ou Eclipse Solar
Categorias
Ficção
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 3019 vezes desde 05/01/2011
Versão
impressa
R$ 45,72
Valor total:
R$ 45,72
Valor total:
R$ 45,72
Sinopse

Esta obra é uma das cinco escritas por Vicente Oliva, entre 2008 e 2009. Saúde (Do bagaço à vida alegre), Politica Romântica (Perseguida e Desejada), Política Eleitoral (Sortecracia), Autobiografia (Memórias de um menino calabrês) e o Romance antirracista (Eclipse Lunar ou Eclipse Solar). Duas pessoas etnicamentes diferentes e preconceituosas se deparam com o inesperado, e uma delas se vê em uma situação antagônica a que vivera. Ela tentará, por todos os meios, reverter sua condição. Conseguirá?

Características
Número de páginas 255
Edição 1 (2009)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 75g
Publicações relacionadas
Ver a lista completa
Impresso
R$ 34,40
Ebook
R$ 13,51
Impresso
R$ 39,33
Impresso
R$ 36,75
Ebook
R$ 15,07
Impresso
R$ 38,67
Impresso
R$ 49,68
Impresso
R$ 36,10
Comentários
4 comentários
Sexta | 30.10.2009 às 00h10
*Muito obrigado a todos pelos comentários !! Espero que gostem dos próximos 4 (quatro) lançamentos que estão por vir, e mais um especial, que não revelarei o nome agora, mas deixarei o gênero : Ficção !! Boa Leitura ! *Correção de algus dígitos: descupas !
Sexta | 30.10.2009 às 00h10
Muito obrigado a todos pelos comentários !! Espero que gostem dos próximos 4 (quatro) lançamentos que estão por vir, e mais um especial, ue não revelare o nome agora, mas deixarei o gênero : Ficção !! Boa Leitura !
Quarta | 28.10.2009 às 14h10
Muito bom este livro, Achei bonito. É uma historia intrigante, com ação que lhe prende do inicio ao fim !!
Quarta | 28.10.2009 às 00h10
Parabéns ao autor pela trama que derruba preconceitos. Pertencemos todos à mesma condição humana. A capa é muito bonita, assim como deve ser, imagino, o coração de quem criou essa história. Angela