Danka Maia-Como Você Nunca Leu
Dos Contos As Crônicas
Categorias
Literatura Nacional
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 4494 vezes desde 02/09/2013
Versão
impressa
R$ 39,93
Valor total:
R$ 39,93
Valor total:
R$ 39,93
Sinopse

Este é um livro de resumos de mim. Em meu blogue tenho uma página chamada: "O Diário de Machine",o meu diário virtual onde sempre coloco como costumo dizer Doses Diárias De Mim ,ali vão meus adágios, sentimentos,emoções que acabam ora transformados em crônicas,poesias ou contos de terror.

Nunca me considerei uma escritora de contos, poesias e crônicas, apesar de ter ganhado alguns prêmios neste segmento. Hoje, me vejo descrevendo esses gêneros como meio de expelir meus fantasmas, sentimentos profundos e alegrias vividas.

Esperem que apreciem no fundo cada conto, crônica ou poesia são detalhes deste meu eu tão intenso e complexo. Não tenho medo de julgamentos ou suposições do mostrar como é a minha montanha russa interior, afinal essa sou eu, Danka Maia, La Dama Machine, ou melhor, somente mais um ser humano no mundo.

Boa Degustação!

Danka Maia

Características
Número de páginas 219
Edição 1 (2013)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 75g
Fale com o autor
Danka Maia

Danka Maia é Escritora e Professora. Mora em Saquarema, Rio de Janeiro.

Filha, amiga, tia e plena por saber que é amada e aceita por um Deus que a ama como ela é.

Iniciou se amor pela leitura pelos gibis de seu pai,depois dos dolorosos poemas da adolescência, até que se sentiu pronta para colocar no papel as histórias que permeavam sua mente inquieta.

Quem sou eu? Uma rainha em meu mundo, uma mendiga no planeta. Uma definição? Eu sou intensa por natureza.

Mais publicações desse autor
Ver a lista completa
Impresso
R$ 35,36
Impresso
R$ 38,33
Impresso
R$ 44,14
Impresso
R$ 43,28
Impresso
R$ 50,25
Impresso
R$ 35,85
Ebook
R$ 11,84
Impresso
R$ 47,07
Comentários
12 comentários
Sara Mascarenhas
Quinta | 12.09.2013 às 14h09
Tudo que sempre quis, aquelas belas cronicas, contos e sues poemas para deixar ao lado da cabeceira! Amei a ideia!
ALEXANDRE LEÃO
Quarta | 04.09.2013 às 18h09
Estive aqui, minha amiga e fiquei feliz de ver o teu trabalho. Parabéns e muito sucesso para você.
Bárbara Chadar
Terça | 03.09.2013 às 14h09
Danka que linda homenagem! Que presente para nós!
Ivis
Terça | 03.09.2013 às 13h09
Parabéns!
Augusto Fortunato
Terça | 03.09.2013 às 13h09
Estou afoito pelos contos e a aquela crônica "Felicidade Crônica"
Anita Fagundes
Terça | 03.09.2013 às 13h09
Vi no blogue agora Danka! Logo adquirindo,maus um para minha coleção! Beijocas! Excelente ideia!
Maria Eduarda Gomes
Segunda | 02.09.2013 às 21h09
Perfeita Homenagem, você que tanto ajuda,tanto faz...
July Nonates
Segunda | 02.09.2013 às 21h09
De cara A MENINA QUE NÃO ESTAVA LA...Na minha opinião um dos seus melhores poemas!
Gael Souza
Segunda | 02.09.2013 às 21h09
O que mais me encanta não é o que você escreve, pode ser poesia, conto, trama.O que mais me fascina é maneira única que só você tem de contar um história!
Amara Maria
Segunda | 02.09.2013 às 21h09
As doses diárias de Machine agora serão doses de devaneios em nossas mãos.Parabéns!
AMANDA NUG
Segunda | 02.09.2013 às 20h09
Ai! Que tudo!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Henrique
Segunda | 02.09.2013 às 20h09
Grata surpresa acabo de ver! Machine em contos, poesias e crônicas? Quem teve a ideia realmente sabia como nos agradar! Beijos!