Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.
ACEITO
Sem capas, com aspas
Sem capas mostrar o que com aspas não se consegue mortificar
Categorias
Poesia, Filosofia, Literatura Nacional
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 1770 vezes desde 11/10/2014
Versão
impressa
R$ 34,05
Valor total:
R$ 34,05
Versão
ebook
R$ 11,84
Disponível em:
PDF
Valor total:
R$ 34,05
Este livro pode estar à venda na:
Este ebook também pode estar à venda na:
Sinopse

Neologismos, metáforas filosóficas, poesia e prosa poética - versos livres, contos, crônicas, parábolas - plenificam este “Sem capas, com aspas”, livro de um autor jovem, com suas vivências amorosas, crises existenciais, nos dilemas tão humanos de sim e de não: ”E somos nós quem decidimos se o coração se conforma com a prisão ou se rebela por liberdade”, reafirma, com o vigor de sua juventude estupenda.

Jhonatan Wilson escreve sem preocupações de gênero, como ”soi ser “... Importa mesmo é a essência do estar para ser... sendo! O recado dado através da Palavra:”Eu optei por fazer do sofrimento um professor para minha escrita”.A graduação desse sofrer, naturalmente, assume intensidades várias, legítimas ou atribuídas, uma vez que a mesma acontecência provocaria nuances diversas de acordo com a personalidade de cada pessoa.Na alternância entre o espírito, o coração e a mente, ele registra, com foros de missivista, um recado da Senhorita Razão: ”Com muito apreço de sua eterna amiga e conselheira”. Significaria ser o autor um poeta mais racional? E as borbulhas da paixão que encontramos ao longo de todo esse belo livro, onde Prosa e Poesia se alternam com equilíbrio ? Na verdade, ele está numa gangorra, entre a razão e a emoção, nota-se logo. Mas tudo com a dose exata de 'savoir faire'.

É um prazer ler esse livro - em especial para leitores cansados de mesmice- e descobrir tatalares de ave canora, levantar os olhos da alma para o voo, ora rascante, ora em lonjuras e alturas, acompanhar com a visão direta e com a visão franjal, cada ritornello no espaço, para ir atrás da beleza autoral - buscar até achar o canto desse pássaro raro e quedar-se a ouvir. Ou seja, a ler e repensar cada refluxo de palavrAÇÃO.

Clevane Pessoa de Araújo

Delegada do ICA - Instituto de Cultura Maericana - UNESCO -Reg. 5041 - França;

Acadêmica da Academia Feminina Mineira de Letras - AFEMIL, Cad. 05 - Cecília Meireles;

Acadêmica da ALACIB - Cad.11 - Laís Corrêa de Araújo.

Representante da Rede Brasileira de Escritoras - REBRA - em MG

Representante da FALASP em MG.

Características
ISBN 014-17-28749-67-0
Número de páginas 80
Edição 1 (2014)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 90g
Fale com o autor
Jhonatan Wilson

Membro da Academia de Letras da Mantiqueira (Fundada em 1972, na Estância de Águas de Lindóia) e Representante Municipal da FALASP - Federação das Academias de Letras e Artes do Estado de São Paulo para o município de Estiva Gerbi, Jhonatan Wilson é natural de Mogi Mirim, mas foi criado em Mogi Guaçu, onde estudou e logo, com a família, se radicou no município de Estiva Gerbi, SP. Mais tarde, foi para São João da Boa Vista, para cursar Letras na Unifeob – Centro Universitário de Ensino Octávio Bastos. Entre outras de suas formações, destacamos Curso Técnico de Web Design e o Curso Auxiliar de Comunicação em LIBRAS, que concluiu pelo SENAI – Serviço Nacional de Aprendizagem, em Mogi Guaçu, na mesma época em que teve breve incursão pelo teatro regional. Entretanto, cultiva gosto pela poesia desde sempre.

Logo, aos 18 anos de idade, começou a atuar como Professor (Auxiliar e Substituto) na Escola Municipal “Evaldo José Zenari”, de Estiva Gerbi, onde foi aluno anteriormente. Como educador, passou a usar a poesia e literatura como forma de aprimorar seu aprendizado e educar seus alunos para as chamadas ‘Belas Letras’.

Jhonatan Wilson em sua jovem jornada artística-cultural, prova que devemos viver a vida o mais intensamente possível, sem inibições fantasmagóricas e ou diminuidoras de personalidades.

Assim, garimpando sonhos e divagações em pensamentos líricos, o novel acadêmico tem se mostrado, além de um arguto observador do belo, um crítico apurado com a sensibilidade de agrupar os admiradores desse gênero lírico, com louvores.

Loas ao afã cultural do jovem educador Jhonatan Wilson, um Poeta de alma lírica e sensível.

Conde Thiago de Menezes

Presidente da “FALASP – Federação das Academias de Letras e Artes do Estado de São Paulo” e da “SCAB – Sociedade Cultural Artística Brasileira”, criada em 1952;

Membro da “SBAT – Sociedade Brasileira de Autores Teatrais”, fundada em 1917, correspondente da “Academia Carioca de Letras”, da “Academia Brasileira de Literatura” e ‘Honoris Causa’ da “Academia Brasileira de Belas Artes”, órgão consultivo do Governo Federal.

Blogger Oficial Sem capas, com aspas: semcapascomaspas.blogspot.com.br

Correspondente em Literatura entre Amigos: culturaentreamigos.blogspot.com.br

Fanpage Oficial Sem capas, com aspas: facebook.com/semcapascomaspas

Contribuinte em Tubo de Ensaio - Laboratório das Artes: https://www.facebook.com/tubodeensaio.laboratorio

Canal no Youtube: www.youtube.com/channel/UCr3zc-gKz9_4Wh7qr0Ofl0g

Mais publicações desse autor
Ver a lista completa
Impresso
R$ 33,95
Ebook
R$ 11,84
Impresso
R$ 31,95
Ebook
R$ 11,84
Publicações relacionadas
Ver a lista completa
Comentários
0 comentários