Fale com o autor
Jussara Calmon
1 publicação
Sobre o autor

Atriz,Cantora, Escritora e Embaixadora da Paz

Jussara Calmon é sujeito e predicado da sua própria história. A arte sempre esteve nela, como se sangue fosse. Nos palcos da vida brilhou. Passou pelo teatro, cinema, circo, televisão. O talento sempre se superando, assim como a sua vida difícil quando criança. A frase, “O insucesso é apenas uma oportunidade para recomeçar de novo com mais inteligência”, de Henry Ford, fundador da Ford Motor Company, acredito se encaixar bem na vida de Jussara Calmon, esta mulher guerreira que foi à luta tantas vezes foram necessárias.

Jussara é uma artista completa, que canta, dança, interpreta, conta histórias, escreve livros. Passeia pelas artes como quem caminha no parque. Em plena ditadura militar, Jussara surgiu no cinema nacional e enfrentou esse período sombrio sem se afastar de seus sonhos.

Millôr Fernandes disse: “Jussara é a prova de que o artista brasileiro nasce com beleza e ascende com dificuldade, mas chega lá!”. É assim mesmo que é Jussara Calmon, muito prazer!

Morando há 15 anos na Noruega com o marido Gudmund Fjortoft, Jussara leciona dança em escolas estaduais há 10 anos. Crianças de quatro a 12 anos aprendem com Jussara todos os ritmos. “É preciso entrar no mundo da criança para lidar com ela”, conta Jussara que é amada, também, pelos baixinhos quando ensina os passos de samba ou do Michel Teló.

O seu livro infantil bilíngue, “A princesa e o pequeno pescador”, em parceria com o ator e músico Cauê Milfont, pela Giostri Editora, e ilustrações de Azuma, foi lançado em 2013. E chegará a segunda edição somente em português. Vem em um momento bacana na vida de Jussara Calmon que volta às telas de TV interpretando uma severa diretora de colégio juvenil, na novela “Chiquititas”, do SBT. Por conta da novela, Jussara tem adiado sua volta à Noruega. Fica no Brasil até o próximo ano.

Novela infantil não é novidade na carreira de Jussara Calmon. Ela interpretou uma carismática personagem que cuidava de um orfanato na novela “Sonho Meu”, na Rede Globo.

Jussara Calmon, Muito Prazer!

O livro, escrito por Fábio Fabrício Fabretti, com colaboração de Sonia Barbosa, conta a sua história. De família circense, Jussara teve uma infância pobre, passou fome, fugiu de casa ainda da adolescência, no Espírito Santo, e veio parar no Rio de Janeiro para se encontrar no teatro.

Essa história que dá um filme vai virar filme nas telas de cinema. O roteiro está em estudo, assim como os patrocinadores. Enredo, porém, não vai faltar.

Ao chegar em terras cariocas, nos anos 1980, Jussara, linda, morena, corpo escultural, ganhou as capas de “O Pasquim” e as telas do cinema. Trabalhou com diretores como Raphaelo Rossi, David Neves, Neville de Almeida, Afrânio Vital, Milton Alencar Jr. e Francisco Cavalcanti.

Ouça 'Beijo de Língua' clicando acima!

Por suas andanças pelo mundo, integrou grupos de shows, como Brasil canta e dança, produzido por Haroldo Costa. E se destacou como uma das principais vedetes, ao lado de Colé Sant’Anna, Grande Othelo, Ankito, Nik Nicola e Henriqueta Brieba.

Nos anos 90, Jussara Calmon integrou um grupo só de mulheres que cantava forró. Foi nomeada a Rainha das Atrizes. E ocupou o cargo de vice-presidente do Retiro dos Artistas. Incursionou em programas humorísticos e novelas da TV Globo, como Vale tudo, Tieta do Agreste, Despedida de solteiro e o especial A Maldita. E sua vida amorosa envolveu histórias inéditas e intensas como a com o ator Robert de Niro. Esse envolvimento estampou as principais manchetes de jornais e revistas.

As lembranças do Brasil e o amor pelas origens nunca afastaram Jussara Calmon de seu país. Ela sempre está por aqui. O carnaval é uma grande paixão. Desfilar como destaque em escolas de samba e participar de concursos de fantasias estão entre suas prioridades.

Filmes

Jussara Calmon foi protagonista de “Coisas Eróticas”, de Raffaele Rosse, o primeiro filme nacional erótico. “Romance Urbano”, com direção de Pedro Rovai, “Rio Babilônia”, de Neville de Almeida, entre outros. Ao todo, foram 18 filmes no cinema. Entre novelas, especiais e humorísticos para a TV Jussara esteve presente em 11. Participou das novelas “A Gata Comeu”, “Mandala”, “Vale Tudo”, “Tieta”. Marcou presença no humorístico “Trapalhões”. No teatro, fazendo drama, dançando ou no teatro de revista, foram dezenas de participações. Jussara participou de “Eu vou na banguela delas”, “Tem pimenta na abertura” e “Gostoso mesmo é mulher”, todas as peças com direção de Carlos Nobre. A artista era destaque neste gênero, o teatro de revista, fosse por sua sensualidade, beleza, corpo escultural e interpretação cômica para fazer críticas sociais e políticas.

Em 2018, no mês de outubro fez dois lançamentos do seu terceiro livro Segredos Revelados, com parceria de Sonia Barbosa, Em São Paulo e no Rio de Janeiro

Em 2018 a Artista foi indicada pela Embaixadora da Paz Nancy Cobo, para receber o Certificado de Embaixadora do Cercle Universel Des Ambassadeurs de La Paix Suisse- France.

Selos de reconhecimento
Autor do Clube de Autores
Autor publicou o seu primeiro livro no Clube de Autores
Autor virou assunto
Autor teve uma notícia publicada sobre ele
Biografia bem definida
Sua página biográfica tem foto e um texto com pelo menos 300 caracteres sobre o autor
Site oficial do autor
Nome do link
jussaracalmon.com/
Todas as publicações desse autor
Notícias sobre o autor e suas obras