Canções para Milomaqui em flautas de paxiúba

Por José Cyrino Jr.

Código do livro: 542472

Categorias

Poesia, Artes

Compartilhe este livro
Esta página foi vista 398 vezes desde 18/04/2023
Versão
impressa
R$ 47,96
Valor total:
R$ 47,96
Versão
ebook
R$ 25,88
Leia em Pensática
Valor total:
R$ 47,96
Este livro pode estar à venda na:
Este ebook também pode estar à venda na:

Sinopse

Este livro tem como pretexto poético um mito indígena. Começa com uma versão poética do mito de Jurupari, o herói-civilizador que deu aos homens o domínio da música, através das flautas de paxiúba, e instituiu o patriarcado. Jurupari é o nome genérico desse herói demonizado pelos missionários cristãos. Ele se chama Izi, entre os tarianas, e Guramũye entre os dessanas, ambas etnias do rio Negro. Nesta obra o autor traz a versão Kamayurá desse mito, expresso na Lenda da Paxiúba, (explicada na “Palavra do autor”), e que se apalavra poeticamente no primeiro poema, “O Canto de Milomaqui”.

Os poemas de José Cyrino cantam a Amazônia, suas belezas naturais, os rios, lagos, a vida do caboclo, o ethos, costumes, flora e fauna, sotaques, etc. Mas o que a princípio se revela regionalista, expande-se para o nacional, trazendo esta ‘força estranha’ que universaliza a poesia.

O livro também dialoga com outros autores e seus textos. O poeta chileno Pablo Neruda está contemplado no poema “Canto a Neruda”; Carlos Drummond de Andrade em “Manaus”; o português Fernando Pessoa em “Remar é preciso. Observa-se ainda a presença de Raul Seixas e Guimarães Rosa: o primeiro em “Saudades do meu Cambixe”; o último em paródia à fala inicial de Riobaldo, o narrador do Grande sertão veredas: “Tucumãs ou tucumães / uma questão pro Guimarães”.

Ao fim o autor oferece a beleza fonética de frases elaboradas sobre aspectos da Amazônia, que ele chama de “Pios da Floresta”, em referência aos assobios dos animas e outros sons, como o ronco dos rios e o canto do vento.

Características

ISBN 9786589972518
Número de páginas 104
Edição 1 (2023)
Formato 16x23 (160x230)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 90g
Idioma Português

Tem algo a reclamar sobre este livro? Envie um email para [email protected]

Fale com o autor

José Cyrino Jr.

José Dantas Cyrino Junior é amazonense, poeta, filósofo, advogado e professor universitário aposentado pela Universidade Federal do Amazonas. É autor dos livros POESIA, Manaus-AM Ed. Valer, 2011; MÍNIMAS – Frases que não pretendem chegar a máximas, Manaus-AM, Ed. Valer, 2014 e O PORÃO DA CASA 380, Lauro de Freitas-BA, Ed. JV Publicações, 2022, em coautoria com Públio Caio Bessa Cyrino.

Foi condecorado pela Academia Amazonense de Letras, em 2022, com a Medalha do Mérito Cultural Péricles Moraes, e em 2021, pela Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas com a Medalha do Mérito Educacional, Professora Maria Ignês de Vasconcellos Dias.

Mais publicações desse autor
Ver a lista completa
Comentários

Faça o login deixe o seu comentário sobre o livro.

0 comentários