Menina de Cuecas
Categorias
Infantil, Literatura Infanto Juvenil, Literatura Nacional
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 2643 vezes desde 17/06/2016
Versão
impressa
R$ 32,96
Valor total:
R$ 32,96
Versão
ebook
R$ 33,37
Disponível em:
PDF
Valor total:
R$ 32,96
Este ebook também pode estar à venda na:
Sinopse

Menina de cuecas é um livro de poesias para aquelas meninas que brincam nas ruas, às vezes apenas com meninos, mas que por isso são atrevidas e coloridas, atiçadas. Mostra as brincadeiras de infância de uma menina dessas, em meio aos seus irmãos e os vizinhos na rua, algo difícil hoje em dia. É um livro para recordar, para pintar, para bagunçar e se divertir com as aventuras de uma personagem real, inspiradora, e que, com toda certeza, está intronizada em muitas mulheres de hoje, mães, avós, enfim, em muitas mulheres que em sua infância curtiram amarelinha, betes, bola de gude e de plástico, capa e espada e incursões em árvores gigantescas. Também é um livro para as meninas de hoje, para inspirá-las a curtir as brincadeiras ao ar livre. Boa diversão!

Características
Número de páginas 50
Edição 1 (2016)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 75g
Fale com o autor
Julis Orácio Felipe

Sobre o autor

Julis Oracio Felipe é natural de Curitiba, tendo morado em Joinville muitos anos, até ser contratado, em 2002, como advogado na empresa Battistella, para a área ambiental e de terras.

"Não conhecia a cidade e fui me adaptando. Hoje sinto-me rio negrinhense, com muitos amigos na cidade e totalmente integrado."

Iniciou na escrita participando de um concurso, em 1988 (Prêmio Lacesa Jovem escritor – 88), no segundo grau, um concurso de contos, concurso apresentado pela professora de língua portuguesa e literatura.

"Dali para frente não parei mais de escrever. Primeiro os contos, depois poesias."

Apos algum contato com a literatura aprendeu uma técnica de escrita, lendo um livro de autora brasileira que orientava como iniciar-se como escritor. "A partir dai lancei-me numa verdadeira aventura, compondo historias e mais historias.

Também iniciei na escrita de livros técnicos de direito e gestão ambiental, minha especialidade."

Atualmente é mestrando em bioética pela universidade Miguel de Cervantes, na Espanha. " Nome sugestivo" brinca o autor, pois Miguel de Cervantes é famoso escritor.

"Não há coincidências". O autor também foi professor voluntario no projeto pescar da empresa Battistella lecionando a disciplina "Despertando o interesse pela leitura" onde, entre outras atividades ensinou os jovens as técnicas de como escrever poesias, contos e romances.

Sobre o clube

A aventura de escrever iniciou na área jurídica, no direito imobiliário e depois no direito florestal.

"Em seguida publiquei meu primeiro romance policial, Washington DC, sobre bioterrorismo.

Logo em seguida, diante da febre do romance Crepúsculo, sobre a saga de uma família de vampiros, enveredou na mesma temática e escreveu Occasum, ambos pela Editora Giz Editorial, de São Paulo.

Sobre as obras

O autor tem diversos livros publicados, livros de poesias, contos, livros técnicos e romances.

"Tenho especial carinho pelas obras, são fruto da criatividade, da dedicação e disciplina de escrever, mas em especial tenho carinho pelas poesias haicai, uma métrica japonesa que nos coloca em profundo contato com a natureza e com Deus. "

Comunidade Clube de Autores: clubedeautores.ning.com/profile/OracioFelipe

Mais publicações desse autor
Ver a lista completa
Impresso
R$ 43,34
Ebook
R$ 39,82
Impresso
R$ 39,83
Ebook
R$ 38,75
Impresso
R$ 41,85
Ebook
R$ 38,75
Impresso
R$ 33,66
Ebook
R$ 22,60
Impresso
R$ 38,30
Ebook
R$ 44,13
Publicações relacionadas
Ver a lista completa
Impresso
R$ 61,73
Ebook
R$ 33,37
Impresso
R$ 35,07
Ebook
R$ 11,84
Impresso
R$ 32,67
Ebook
R$ 11,84
Impresso
R$ 29,51
Ebook
R$ 11,84
Impresso
R$ 56,32
Ebook
R$ 13,99
Impresso
R$ 28,65
Ebook
R$ 11,84
Impresso
R$ 26,48
Ebook
R$ 11,84
Impresso
R$ 50,85
Ebook
R$ 12,92
Impresso
R$ 50,03
Ebook
R$ 22,60
Comentários
1 comentários
D'Ori Vergalhão
Terça | 21.06.2016 às 11h06
Interessante. Diferente de tudo que já li, até hoje. Legal quando o autor descobre uma nova veia literária e a explora com maestria! São bem iguais aos antigos garimpeiros na Esplanada Diamantina. Vamos, lá Julis! Desejo-lhe sucessos, cara!