O Caibalion
Categorias
Ocultismo, Estudo De Magia, Espiritualidade, Psicologia, Filosofia, Corpo, Mente E Espírito
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 5911 vezes desde 10/01/2018
Versão
impressa
R$ 36,11
Valor total:
R$ 36,11
Valor total:
R$ 36,11
Sinopse

Alguns dizem que veio do Egito Antigo, tão antigo que influenciou tanto Abraão quanto o Judaísmo, tanto os sábios hindus quanto o Hinduísmo, tanto as escolas de mistérios gregas quanto a própria Filosofia. Ninguém sabe como e por quais meios ocultos sobreviveu há tantos séculos e tantas civilizações, mas quando Giordano Bruno foi condenado à fogueira por tentar transformar o cristianismo em “algo cósmico”, ou quando Nicolau Copérnico lançou a teoria do heliocentrismo em seu “Da Revolução das Esferas Celestiais”, lá estava ele: Hermes o Três Vezes Grande. E, apesar de esquecido nos dias atuais, foi o hermetismo quem garantiu em boa parte a sobrevivência e o rápido avanço da chamada ciência moderna em sua aurora renascentista. Afinal, quiçá milênios antes do advento da própria física de partículas, já nos dizia o “Caibalion” que “tudo vibra, e nada está parado”.

Escrita e publicada no início do século 20 por estudantes anônimos do hermetismo, esta obra introdutória traz preceitos e axiomas do antigo hermetismo, comentados e explicados para uma nova era e um novo público. Publicado originalmente em inglês, nos EUA, este “Caibalion” é mesmo um fruto de nosso tempo, porém ele se refere a outro “Caibalion”, bem mais antigo e oculto, que se perdeu nos anais da história, mas que se encontra preservado nas mentes e nas almas de todos aqueles que não deixaram morrer a chama. Acaso deseje se tornar um jogador no jogo de tabuleiro da vida, e não mais mera peça a ser movida pelas circunstâncias e influências externas, este pequeno livro cheio de luz pode ser o seu guia nas noites mais escuras.

O tradutor.

***

Traduzido diretamente do original por Rafael Arrais, autor do livro “Ad infinitum: um diálogo sobre o Tudo”, e que também já traduziu outras obras sagradas da humanidade, como o “Bhagavad Gita”, o “Tao Te Ching” de Lao Tse, o “Gitanjali” de Tagore e “O Profeta” de Gibran.

Características
Número de páginas 162
Edição 1 (2018)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Couche 90g
Fale com o autor
Os Três Iniciados

Para quem não me conhece, sou alguém que sempre se interessou pelos ditos "mistérios da vida". "Quem sou, para onde vou, aqui o que faço?" - Aos olhos de muitos essas perguntas parecem fúteis e exotéricas, talvez mesmo superficiais... Mas, se formos realmente a fundo dentro delas, e portanto também dentro de nós mesmos, acredito que iremos nos deparar com aquilo que mais nos fascina e ao mesmo tempo apavora: Conhecer a si mesmo.

Nascido em 24/12/77 no Rio de Janeiro, Rafael Arrais é formado em Gravura (Belas Artes), pela UFRJ. Trabalha como webdesigner, ilustrador e escritor.

Veja também o seu site pessoal: www.raph.com.br

Comentários
0 comentários