Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.
ACEITO
A Civilização Eterna
Um ensaio sobre os fundamentos político-culturais da literatura atlante a partir de Chrono Trigger
Categorias
Rpg E Fantasia, Política Cultural, História & Teoria, Games E Rpg, Filosofia, Ciência Política
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 1180 vezes desde 27/04/2020
Versão
impressa
R$ 40,06
Coloração
Valor total:
R$ 40,06
Versão
ebook
R$ 16,14
Disponível em:
epub
Valor total:
R$ 40,06
Este livro pode estar à venda na:
Este ebook também pode estar à venda na:
Sinopse

Mostraremos que Política e História não falam apenas ao especialista e nem através somente de seus manuais. Podemos vê-las nos lugares mais improváveis, e um deles é o jogo eletrônico. No nosso caso, especificamente, é o jogo Chrono Trigger, onde, segundo julgamos, encontrar-se-á um tesouro lúdico de implicações políticas e culturais transversalmente embebidas de uma literatura peculiar a que chamamos por Atlante. Assim, por meio de descrição e comparação, veremos de que modo as narrativas filosóficas, religiosas, fictícias e científicas de épocas e países distintos sobre a antiga civilização de Atlântida, desde relatos como os de Heródoto e Platão, até pesquisas arqueológicas como as de Mahieu ou adivinhações como as de Cayce, passando por literatos e filósofos como Morus e Swift, compõem um belo mosaico de elementos político-culturais que se repetem e se atualizam a ponto de aparecerem todos reunidos em um lugar de beleza e organização únicas, chamado de o Reino Mágico de Zeal.

Sempre, ao retornarmos à Zeal e refazermos este nosso caminho pesarosos, não deixemos, porém, de jamais nos encantarmos com aquelas paisagens por nós veneráveis e por seus dependentes respeitadas. Que aquela arte nacional, por isso popular e cheia de sentido, oriente aos nossos artistas. Que aquela devoção ao espírito e a organização social humanística alumie nossos estadistas. Que nossos eruditos aprendam com sua filosofia cósmica e poética e sua ciência sem preconceitos. E finalmente, que nós, enquanto membros de um povo, a despeito de muitos desconhecerem qual, que todos nós sejamos iluminados por aquela autoconsciência individual e orgulho civil de ser e pertencer a um espírito universal que se quer para sempre...

Civilização, numa palavra.

Características
ISBN 978-65-865-0704-1
Número de páginas 160
Edição 1 (2020)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Tipo de papel Polen
Fale com o autor
Jonas Otávio Bilda

Livre-pensador. Psicólogo e Filósofo. Autodidata em História, Religião, Literatura e Política. Tradutor e revisor. É autor de pesquisa acadêmica sobre Psicologia Clínica em “O Alvorecer das Artes do Ser” (Luminária, 2016), de ensaios filosóficos sobre Educação em “Cartas de um Solícito Acompanhante” (Multifoco, 2018), tradutor e organizador do “Livro de Veles” (Multifoco, 2020), e de obra filosófico-política em "A Civilização Eterna" (Clube de Autores, 2020). Amante da Alta Cultura, é autor de artigos na mídia independente O Sentinela.

Página no Facebook: www.facebook.com/j.bilda

Artigos em O Sentinela: www.osentinela.org/tag/jonas-otavio-bilda/

Mais publicações desse autor
Ver a lista completa
Comentários
0 comentários