Camisa cor de derrota
Categorias
Diversos, Poesia
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 3953 vezes desde 23/03/2014
Versão
impressa
R$ 37,84
Valor total:
R$ 37,84
Versão
ebook
R$ 20,45
Disponível em:
PDF
Valor total:
R$ 37,84
Este ebook também pode estar à venda na:
Sinopse

Por vezes fundem-se tristeza e alegria, criador e criaturas, neste universo cotidiano diário.

O autor expõe através de textos, poemas e frases soltas sobre amores correspondidos, desamores, rompimentos, tristezas e alegrias incontidas. Narrado ora em primeira pessoa ora em terceira pessoa, “Camisa cor de derrota” tenta dissecar sobre o homem/mulher comum, que aceita sua condição de vencido, entende suas escolhas e sua letargia, supera percalços e pessoas, mas continua (sobre) vivendo apesar das cicatrizes.

O livro é uma compilação de textos do blog www.pedrocandido1.blogspot.com, que o autor mantém desde 2009, agora com o adendo de alguns textos inéditos e organizados por temas.

Características
Número de páginas 116
Edição 1 (2014)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 75g
Fale com o autor
Pedro Candido

Pedro Candido, 24 anos, mora atualmente em Crateús-Ce, graduando em Licenciatura plena em Ciências Biológicas na UECE/FAEC (Faculdade de Educação de Crateús-Ce), autor de um blog há 6 anos (pedrocandido1.blogspot.com.br) de textos e poesias. Escritor do livro Camisa cor de derrota (2014).

Mais publicações desse autor
Ver a lista completa
Impresso
R$ 38,18
Ebook
R$ 18,31
Publicações relacionadas
Ver a lista completa
Comentários
2 comentários
Zaira
Segunda | 31.08.2015 às 15h08
O autor captura como poucos a essência do ser humano, otimista, pessimista, herói do seu próprio cotidiano. Sabedor de suas fraquezas e limitações, como diz a canção: "Reconhece a queda e não desanima, levanta sacode a poeira e dá a volta por cima ". Ainda podemos observar em sua obra, traços que indicam suas influências, como: Caio Fernando Abreu e Clarice Lispector. Mesmo assim, o autor de Camisa Cor de Derrota, embora jovem e estreante, já conseguem dar tom próprio e singular a sua obra.
Olavia
Terça | 01.04.2014 às 21h04
É um livro belíssimo! Te faz sentir várias emoções, sensações de perda, alegrias, tristezas, voltas e nostalgia, tudo ao mesmo tempo... Ou seja, adorei!