Como a Astrologia funciona?

Por Luiz Carlos de Carvalho Teixeira de Freitas

Código do livro: 585256

Categorias

Psicologia Clínica, Psicologia Aplicada, Personalidade, Psicologia, Desenvolvimento Humano

Compartilhe este livro
Esta página foi vista 302 vezes desde 24/08/2023
Versão
impressa
R$ 50,87
Valor total:
R$ 50,87
Valor total:
R$ 50,87

Este livro pode estar à venda na:

Sinopse

Neste livro, meu oitavo título publicado associando a Astrologia às Ciências do Comportamento, respondo a duas questões: Como a Astrologia funciona? O que ela oferece de útil para fortalecer o autoconhecimento?

Como se sabe há mais de um século, o que se passa no inconsciente de alguém determina em grande parte como o indivíduo lida consigo e com as outras pessoas nas várias situações da vida.

A mente, que é coletiva e se manifesta em cada pessoa como psique individual, carrega, de modo virtual e em potência, todas as possibilidades de expressão psíquica dos seres humanos, de igual modo como a base genômica é idêntica em qualquer ser vivo (vale dizer: todos os genes em todos os entes vivos são os mesmos, apenas variando a expressão de cada gene segundo a espécie e o espécime do ente), seja micróbio, orquídea, manjuba, cachorro ou alguém.

Em meu entender, no tocante ao psiquismo dá-se algo semelhante na dinâmica, mesmo que diferente no fundamento. Enquanto a base cromossômica, bioquímica, transmite entre gerações os códigos da síntese de aminoácidos e proteínas indispensáveis à existência orgânica dos entes, cada qual de acordo com sua espécie, a mente transporta em potência, na dimensão imaterial e intemporal de sua existência virtual de ordem coletiva, as probabilidades das características psíquicas, num substrato arquetípico resultante de todas as formas humanas de vivência psicoemocional que já existiram.

Isto é: no nível fundamental, todos somos feitos do mesmo, tanto no corpo, quanto na mente; por isso, assim como no DNA toda expressão somática possível está em potência nos genes, na mente toda expressão psíquica possível está em potência nos arquétipos.

Nesse cenário, se as propriedades dos genes são descritíveis por suas características biofisicoquímicas, os predicados dos arquétipos, no que diz respeito à potencial expressão de aspectos da mente na psique já individualizada (e no decorrente comportamento pessoal íntimo ou manifesto), são denotáveis pelos símbolos astrológicos dos fatores zodiacais: Signos, Planetas, Casas Astrológicas e Aspectos.

A Astrologia decorre da competência semiótica humana e a interpretação arquetípica da Carta Natal possibilita identificar e qualificar a dinâmica e origem dos conteúdos do psiquismo e, portanto, definir que conteúdos inconscientes ali residem. Isso é propiciado pela identificação dos arquétipos constelados na psique da pessoa e do resultado da imbricação, por sincronicidade, entre estes arquétipos e os efeitos subjetivos das características do ambiente perinatal e infantil em que ela se formou.

A detecção deste resultado é o que possibilita ao(à) astrólogo(a) deduzir probabilisticamente as atitudes e sentimentos do pai e da mãe vigentes na fase formativa da pessoa, entre si e de cada um deles com a criança, o que (na concepção junguiana) gerou imagines que de dentro dirigem o desempenho, oferecendo, pela interpretação, elementos de cognição que permitem à pessoa compreender as dinâmicas psíquicas inconscientes que originam comportamentos conflituosos ou bloqueios de potenciais, os quais são desafios vividos por ela.

Podendo ser utilizada como recurso de diagnóstico probabilístico da personalidade de qualquer pessoa, independente de etnia, idade, gênero ou nível cultural, a Astrologia do Comportamento proporciona a boa definição de atributos inconscientes, potenciais existentes e condicionamentos afetivo-emocionais instalados, em busca de oferecer uma alargada compreensão do que tem guiado – ou bloqueado – a pessoa em suas ações e relações interpessoais amorosas, familiares, profissionais, sociais, societárias, etc.

Com a formidável possibilidade de, no tocante ao apoio a psicoterapias, as informações sobre o psiquismo da pessoa, pela interpretação da Carta Natal, poderem ser aproveitadas por terapeutas de diferentes correntes teóricas e técnicas de intervenção, isto é, que adotem estratégias psicanalíticas, junguianas, reichianas, gestaltistas, humanistas, psicodramáticas ou transpessoalistas de abordagem, ou ludoterapêuticas, no caso de crianças, independente do grau de conhecimento ou compreensão que tenham da Astrologia Arquetípica, já que o que interessa é a informação fornecida que for válida para o trabalho terapêutico em andamento ou por iniciar.

Características

ISBN 9786599616976
Número de páginas 118
Edição 1 (2023)
Formato 16x23 (160x230)
Acabamento Brochura s/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 90g
Idioma Português

Tem algo a reclamar sobre este livro? Envie um email para atendimento@clubedeautores.com.br

Luiz Carlos de Carvalho Teixeira de Freitas

Sou jornalista com formação em Psicologia, escritor e pesquisador sobre a história e o desenvolvimento da Astrologia.

Tenho múltiplos interesses, notadamente os focados em Ciências do Comportamento, como Neurociência e Psicologia, em Ciências da Religião, em Astrologia e em aspectos diversos associados a Comunicação digital, incluindo Educação a Distância.

Assim, no decorrer de minha vida fiz estudos, escrevi e publiquei livros nestas áreas de conhecimento, entre outras, assim como dei palestras ou aulas em todas elas, sentindo-me à vontade em me movimentar intelectualmente por campos tão distintos de compreensão e estudo.

Todos espelham o ser humano, cada qual a seu modo, esta admirável obra de Deus.

Entre os meus livros estão:

"Por que fazer terapia?"

"O simbolismo astrológico e a psique humana"

"Astrologia Clínica, um método de autoconhecimento"

"Tahuantinsuyo, o Estado Imperial Inca"

"Terapia, um caminho para o divino"

"Manual simplificado de comércio eletrônico"

"O Mensageiro - o replantio daimista da doutrina cristã"

"Café, Carvalho e caridade"

"A Rainha da floresta - a missão daimista de evangelização"

"Repassando dádivas"

"A verdade, além da doutrina - a busca do rosto de Deus"

"Violeta"

"Educação a distância, para uma cultura de paz"

"Astrologia Arquetípica, autoconhecimento e espiritualidade"

"Por uma Filosofia da Astrologia - a Astrologia como campo de interesse científico"

"Astrologia e comportamento - de Ptolomeu a Jung, na teia do mundo"

"Astrologia e Cristianismo em diálogo"

"Astrologia em diálogo com a Ciência e a Fé"

"Como a Astrologia funciona?"

"A Astrologia arquetípica no atendimento terapêutico"

Comentários

Faça o login deixe o seu comentário sobre o livro.

0 comentários