Deus e a Sociedade
Categorias
Comentário Bíblico
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 4189 vezes desde 25/05/2011
Versão
impressa
R$ 43,67
Valor total:
R$ 43,67
Versão
ebook
R$ 19,80
Disponível em:
PDF
Valor total:
R$ 43,67
Este ebook também pode estar à venda na:
Sinopse

O humanismo praticado no mundo hoje, é bastante diverso daquele que caracterizou a antiguidade clássica ou renascentista. Enquanto no passado a ideologia humanista era positiva, voltada para a afirmação do homem no mundo e para o mundo, ocupando o seu lugar no plano da Criação, o humanismo praticado hoje é essencialmente uma negação de Deus, uma rebelião contra toda forma externa de autoridade moral e espiritual.

O homem pós-moderno vive sob a égide do relativismo moral, da subversão do princípio da autoridade e da negação dos valores cristãos e proclama a sua total independência e autonomia existenciais. A sociedade pós-moderna é marcada pelo total repúdio dos seus cidadãos a valores preestabelecidos e permanentes, pela absoluta incerteza quanto ao futuro e quanto ao propósito último de sua própria existência.

Entretanto, o homem pós-moderno ainda vive motivado em última instância pela busca da felicidade, e essa busca passa hoje necessariamente pela sua realização material, através de um consumismo frenético e sofisticado de toda a sorte de bens, sejam eles tangíveis ou apenas culturais.

Nosso tempo é também marcado por um mal crônico, a depressão. Existem indícios de que a depressão é também transmitida geneticamente, o que significa que ela já foi incorporada ao genoma humano. Ela é fruto de uma desesperança congênita e de uma fluidez de propósitos (ou despropósitos), que faz com que o mundo civilizado se pareça com uma arena olímpica, em que somos permanentemente desafiados a concorrer, em busca de um prêmio que ninguém sabe ao certo qual é.

Além da depressão, o mundo atual, que em vista dos avanços econômicos, científicos e tecnológicos deveria ser mais humano, mais justo e mais pacífico, é afligido ainda hoje por mazelas como o medo, a violência, a injustiça social, a fome e os vícios. Embora tenha alcançado um nível de desenvolvimento econômico e social jamais visto, a civilização ocidental reduziu drasticamente o potencial de realização humana e espiritual dos indivíduos.

Por que, apesar de abandonar os princípios cristãos e abraçar o liberalismo econômico e social, e de alcançar níveis jamais vistos de desenvolvimento científico, a ideologia humanista não conseguiu realizar as suas promessas de bem estar social?

Por que o cristianismo, por sua vez, depois de mais de dois milênios de existência, não foi também capaz de criar no mundo a sociedade ideal?

Características
Número de páginas 247
Edição 1 (2011)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 75g
Fale com o autor
Washington Noronha

WASHINGTON MONTEZ DE NORONHA, 58 anos, pai de dois filhos, é engenheiro, converteu-se ao cristianismo depois de buscar infrutiferamente a Deus em diversas religiões e seitas espiritualistas, através de um dramático encontro com Cristo. Possui uma sólida formação teológica e uma profunda vivência cristã, e é atualmente membro da Comunidade Cristã Restaurando Vidas, no Rio de Janeiro .

Blog Portas Abertas: portaparacristo.blogspot.com

Cristo Perseguido: www.portasabertas.com

Mais publicações desse autor
Ver a lista completa
Impresso
R$ 44,70
Ebook
R$ 19,80
Impresso
R$ 42,76
Ebook
R$ 19,80
Impresso
R$ 48,33
Ebook
R$ 19,80
Impresso
R$ 41,49
Ebook
R$ 19,80
Impresso
R$ 40,78
Ebook
R$ 19,80
Impresso
R$ 40,91
Ebook
R$ 19,80
Publicações relacionadas
Ver a lista completa
Impresso
R$ 31,95
Ebook
R$ 14,64
Impresso
R$ 43,40
Ebook
R$ 16,58
Impresso
R$ 35,70
Ebook
R$ 15,50
Impresso
R$ 35,34
Ebook
R$ 17,65
Impresso
R$ 47,08
Ebook
R$ 14,42
Impresso
R$ 56,92
Impresso
R$ 45,56
Ebook
R$ 22,53
Impresso
R$ 48,79
Ebook
R$ 14,96
Comentários
0 comentários