Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.
ACEITO
No fundo falso da gaveta da velha cômoda
Categorias
Diversos, Literatura Nacional
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 3755 vezes desde 06/05/2013
Versão
impressa
R$ 37,49
Valor total:
R$ 37,49
Versão
ebook
R$ 15,07
Disponível em:
PDF
Valor total:
R$ 37,49
Este ebook também pode estar à venda na:
Sinopse

Quando uma nuvem gorda tapar o sol eternamente

Quando a lua nova se refletir negra em olhos cegos

Quando tudo o que for dito for real

É quando deixarão que se revele

As coisas obscuras que escondemos

No fundo falso da gaveta da velha cômoda.

Uma mulher morta por um homem desconhecido. Uma conversa interna e perturbadora por culpa de uma maçã. A reaparição de uma bruxa em um local isolado. A descoberta da verdadeira culpa pela morte de um grande amor. O suicídio. A conversa sobre um amor a três. Garotos curiosos que se deparam com a morte.

Estes são alguns dos temas dos 12 contos que compõem este livro. Suspense, terror, dramas psicológicos e amor; você vai encontrar por aqui.

Características
Número de páginas 121
Edição 1 (2013)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Couche 90g
Fale com o autor
Juliano Rossin

Juliano Rossin nasceu em Santa Cruz do Rio Pardo - SP, passou a morar na adolescência em Várzea Grande - MT onde começou a escrever poemas para expurgar seus demônios; alguns comparados a Augusto dos Anjos e outros com Clarice Lispector.

Você pode encontrar na internet o e-book Divagações de um morto - sob o olhar de uma alma demente, que contém alguns destes poemas.

Hoje mora em Curitiba - PR e divide seu tempo no trabalho como educador físico, leitura de variados autores e sua paixão pela escrita, onde transforma o cotidiano em estórias ricas em detalhes com pitadas de surrealismo, suspense, drama e paixão.

Publicações relacionadas
Ver a lista completa
Comentários
6 comentários
Lopes Marinho
Sexta | 05.07.2013 às 10h07
Parabéns, Juliano, seu livro é muito interessante. Classifiquei ele como cinco estrelas. Tambem tenho livros publicados aqui: As gêmeas devem morrer, os pecados da outra, e as joias são para Rosa, tudo de bom.
ulisses sebbrian
Sábado | 18.05.2013 às 19h05
Olá, tudo bem! Parabéns pelo livro e sucesso. Divulguei no meu Twitter de meu amigo @alenoSilvano para todos saber de sua obra. Também marquei com 5 estrelas e divulguei no Face book . É de suma importância para esse país tão vasto e diverso. Mais uma vez sucesso. Sou escritor e meus livros estão nesse site. 3 Click no livro pra ler http://migre.me/dVxbN Meu blog. http://truquedevida.blogspot.com.br/ Felicidades e sucesso
Nicolas Fassbinder
Domingo | 12.05.2013 às 19h05
Sem sombra de dúvidas um excelente livro para se ler. Nessas aproximadamente 120 páginas o Juliano Rossin consegue nos entreter com uma leitura que nos prende ao livro. São contos que por vezes nos causam espanto, alegria, tristeza, enfim, uma obra completa e que vale muito a pena ser lida. Recomendo a leitura! Abraços Juliano Rossin e parabéns pelo livro! Nicolas.
Carmem Albuquerque
Sábado | 11.05.2013 às 23h05
Encontram-se muitas surpresas em fundos falsos de gavetas de velhas cômodas. Surpresas, ora inquietantes, ora pacíficas. Gosto dessas surpresas na leitura - tornam-na mais fluida, mais acolhedora. E é exatamente esse o sentimento da leitura do livro: algo como uma inquietação pacífica e acolhedora.
eder
Terça | 07.05.2013 às 11h05
Acompanho o progresso literário do Juliano e tenho muito orgulho de seu desenvolvimento. Esse eu faço questão de comprar!
Ana Paula Barros
Segunda | 06.05.2013 às 22h05
Ao longo de leituras diversas, deparamos com textos que conseguem captar a nossa atenção de tal forma, que torna-se difícil desviar o nosso olhar para outros lugares. Foi o que encontrei ao ler os contos do escritor Juliano Rossin. Leitura prazerosa e inquietante, que nos permite sentir a todo momento as suas palavras. Excelente leitura.