Simplesmente ame
Categorias
Ficção e Romance, Literatura Infanto Juvenil, Literatura Nacional
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 2670 vezes desde 17/03/2015
Versão
impressa
R$ 32,41
Valor total:
R$ 32,41
Valor total:
R$ 32,41
Sinopse

Melissa leva uma vida sem grandes emoções, enquanto vive praticamente escondida atrás do balcão da sorveteria em que trabalha. Mas, quando menos espera, a própria vida resolve lhe sorrir e a coloca frente a frente com Érique. De início, ele não parecia ninguém importante, mas, em pouco tempo, os braços fortes e acolhedores daquele rapaz passaram a ser o único refúgio de Melissa. No entanto, as coisas não saíram como ela planejava. Depois de tantos acontecimentos estranhos e inesperados, as armadilhas do destino acabaram separando o casal. Por que, de repente, tudo começou a desmoronar e nada mais parecia fazer sentido? Melissa precisava de respostas, mas ninguém, absolutamente ninguém as queria dar, e ela não sabia mais com quem contar. Estava rodeada de segredos e mistérios. Afinal, o que estava acontecendo?

“Um livro envolvente, emocionante, cheio de aventura e mistério. Impossível não gostar”.

Gleize Costa, autora de “Eu te olhava pela janela”

Características
Número de páginas 167
Edição 1 (2014)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 75g
Fale com o autor
Joice Lourenço

Sou casada desde 2008. Nossa história de amor foi um lindo romance que Deus escreveu, passamos por provações, desaprovações, mas enfim aquilo que é de Deus se torna real.

Amo a Deus de coração! Amo cantar, tocar, compôr, dançar, criar, imaginar.

Sou muito sonhadora e amo romances.

Comecei a escrever aos 14 anos depois de começar a ler a Série Cris. No começo foi mais como um prazer, digamos, uma brincadeirinha... No entanto, fui me apaixonando pela arte de escrever, e de alguns anos para cá tenho levado a minha escrita mais a sério. A série de livros "O reino de Betra" é como um Ministério. Oro para que cade um que leia os meus livros se sintam tocada de alguma forma. Não quero apenas escrever por escrever, mas fazer a diferença na vida das pessoas.

Sempre que posso participo de oficina de contos para tentar aprimorar cada vez mais o meu trabalho.

Comentários
0 comentários