Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.
ACEITO
Vegetarianismo: Opção ou Obrigação?
Categorias
Vida Saudável, Guias Alimentares, Saúde E Fitness, Espiritualidade, Ciências Biológicas
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 9155 vezes desde 22/03/2011
Versão
impressa
R$ 32,05
Valor total:
R$ 32,05
Valor total:
R$ 32,05
Sinopse

O vegetarianismo pode ser uma alternativa saudável de alimentação. Mas muitos grupos utilizam técnicas de coação para fazer você se sentir mal por comer carne, afirmando que destroi o meio ambiente, causa câncer, é condenado por várias religiões, etc... Leia esta obra e saiba que ser vegetariano ou não é uma simples opção de vida, sem envolvimentos éticos ou morais.

* saiba que Buda comia carne, assim como Lao-tsé, Confúcio e Jesus;

* que o Budismo não exige se tornar vegetariano;

* que os seres humanos são naturalmente onívoros - comem de tudo;

* que comer carne não leva a câncer ou "toxinas mortais";

* que comer carne não gera fome no mundo;

* que a pecuária agride menos o meio ambiente que a agricultura comercial;

* que ninguém fica mais "espiritualizado" por deixar de comer carne;

* que deixar de comer carne não faz você viver mais;

* que não existem razões médicas para ser vegetariano, nem na medicina ocidental, nem na medicina oriental e nem na medicina naturalista;

* e muito mais.

Características
Número de páginas 80
Edição 1 (2011)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 75g
Fale com o autor
Gilberto Antônio Silva

Gilberto Antônio Silva é Acupuntor, Terapeuta e Jornalista. Bacharel em Ciências e Humanidades com ênfase em Filosofia pela UFABC, estudou Engenharia Elétrica na Faculdade de Engenharia Industrial de São Bernardo do Campo (FEI) e possui Extensão Universitária em Artes Marciais pela Faculdade de Educação Física de Santo André (FEFISA). Também estudou Parapsicologia na Escola de Parapsicologia de São Paulo sob supervisão da Profª Drª Hilda Dias.

Estudioso de filosofias e culturas orientais desde 1977, pesquisou e analisou com profundidade a cultura e o modo de pensar oriental, especialmente o Taoísmo, traduzindo estes conceitos para a compreensão dos ocidentais em seus artigos, livros, palestras e cursos. Atua no mercado editorial como escritor, assessor e editor desde 1991, tendo mais de 250 artigos e matérias já publicadas em internet, revistas especializadas e jornais diversos, cobrindo um inumerável leque de temas ligados à cultura oriental.

Como terapeuta, se especializou em Terapias Energéticas como Crystal Healing, Medicina Chinesa e Acupuntura, Terapia Emocional e Qigong. Foi palestrante convidado no I Workshop EOMA - Práticas de Terapias Orientais dentro da Feira TERAPÊUTICA 2003, com o tema “Manipulação Consciente de Energia nas Práticas Terapêuticas”. Também foi palestrante convidado do VII Congresso Internacional de Acupuntura e Terapias Orientais do SATOSP, em 2004, com o tema “SEITAI, a Quiropraxia Japonesa” e no II Simpósio Brasileiro de Hermetismo e Ciências Ocultas (2011) com o tema "I Ching - do Xamanismo ao Computador". Também fez palestras sobre vários temas do Taoismo na Faculdade Ebramec e na Mystic Fair, a maior feira esotérica da América Latina, de 2011 a 2018.

Foi Professor de Literatura da Acupuntura Chinesa na EOMA - Escola Oriental de Massagem e Acupuntura, e Professor dos cursos de Massoterapia, Acupuntura e Formação em Chi Kung da Keiko's - Prevenção e Saúde, ambos em São Paulo.

É atual Coordenador Editorial da Revista Brasileira de Medicina Chinesa, principal publicação da área na América Latina, e Editor da revista Daojia, única especializada em Taoismo e cultura chinesa.

Taoísmo: www.taoismo.org

Laoshan: www.laoshan.com.br

Publicações relacionadas
Ver a lista completa
Comentários
6 comentários
Rogerio
Domingo | 02.03.2014 às 22h03
4) Buda, como yogui e de origem hindu, era vegetariano. Sobre Jesus existem dúvidas, mas segundo o Livro Essênio da Paz ele era vegetariano como todo essênio. Dúvidas permanecem; 5) Segundo o yoga hindu, a ingestão de carne é uma das causas da obstrução das nadis e pode dificultar, desta forma, a evolução espiritual. Quero, entretanto, comprar o livro para ver as justificativas da outra parte.
Rogerio
Domingo | 02.03.2014 às 22h03
3) A maioria das pessoas que se tornam vegetarianas o fazem por motivos éticos. A questão ética sempre se encontra envolvida. Outros, entretanto, o fazem por questões de saúde (por exemplo, Bill Clinton);
Roger
Domingo | 02.03.2014 às 22h03
Algumas coisas precisam ser mais discutidas. 1) Uma grande parte da soja produzida no Brasil vai para alimentação de gado. Deste modo a pecuária torna-se mais danosa que a agricultura comercial em relação aos danos ambientais, sem falar no problema do metano liberado pelo gado; 2) A ingestão de carne e gordura animal está relacionado sim com o aumento de incidência de alguns tipos de câncer segundo vários estudos científicos.;
Leonardo
Sexta | 23.12.2011 às 22h12
O mesmo comia carne quando oferecida pelas pessoas que o convidava para desjejum ou quando era dado em forma de esmola enquanto pelegrino nas ruas. Isso era uma demonstração de respeito as pessoas que lhe ofereciam algo à comer. Porém em virtude de sua grandeza espiritual Buda era vegetariano.
Leonardo
Sexta | 23.12.2011 às 22h12
Tanto Jesus, como Buda e Confucio em sua incalculável imencidão de amor, jamais nagavam o alimento oferecido pelos seus anfitrioes. Buda dizia que a santidade está na compaixão com todos os seres vivos "Um homem só é nobre quando consegue sentir piedade por todas as criaturas" (Buda 563 a 483 AC).
Laercio Camara
Quarta | 03.08.2011 às 17h08
Segundo o relato biblico, adão e eva eram vegetariano, vivia do fruto da terra, não havia morte de animais.