CRIAÇÃO RECICLAGEM DESTRUIÇÃO CLONAGEM VIRTUAL POEMA ARTE ISOPOR CAPIM PARAFINADO
Categorias
Poesia
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 4144 vezes desde 12/10/2013
Versão
impressa
R$ 54,17
Valor total:
R$ 54,17
Versão
ebook
R$ 11,84
Disponível em:
PDF
Valor total:
R$ 54,17
Este ebook também pode estar à venda na:
Sinopse

Esta obra tem o intuito de fazer analogia à arte ambiente utilizando o capim e isopor como sinônimos.

Através de uma performance poética artística bruto abrupto, (é um processo de poesia que vira arte e arte que vira poesia)na retirada de material do próprio espaço da biodiversidade (conceito de Osvaldo Matsuda) do Vale do Ribeira.

O processo que ocorre é performance artística, onde são utilizados os materiais recolhidos juntados às poesias improvisadas que terminam numa instalação poética.

Todo o processo é registrado através de fotografias para ser publicado.

Características
Número de páginas 32
Edição 1 (2013)
Formato A4 (210x297)
Acabamento Brochura s/ orelha
Coloração Colorido
Tipo de papel Couche 90g
Fale com o autor
Nestor Rocha

Nestor Rocha formado em Psicologia na Unitau, atualmente cursando Artes Visuais na Unimes. Atua como psicólogo clínico. É Poeta desde a adolescência. Lançou livros artesanais: Vazio em 1999; Fuja Coruja em 2000; Poema na Teage em 2004; Poemas Concisos em 2007. Pela Editora Inteligência publicou o livro: Água Postiça (em coautoria com Osvaldo Matsuda) em 2010; Sedimentares em 2011 e Do Brilho ao Opaco em 2012.

Em coautoria com Osvaldo Matsuda publicou em 2000 poesia instalção Miracatu, o poeta e Miracatu, os poetas.

Em CD (demo áudio) em coautoria com João Carlos Mendonça publicou Poema Água em 2007; Dissipação Visual em 2009.

Instalação Poética: Recortes de Poesias para Montar uma Barraca exposto na Ilha Verão Cultural em 2013.

Mais publicações desse autor
Ver a lista completa
Impresso
R$ 45,13
Ebook
R$ 11,84
Publicações relacionadas
Ver a lista completa
Comentários
0 comentários