Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.
ACEITO
ANDAR DE PASSARINHO
Categorias
Poesia, Linguagem Artística E Disciplinas
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 1152 vezes desde 17/10/2017
Versão
impressa
R$ 29,65
Valor total:
R$ 29,65
Versão
ebook
R$ 12,92
Disponível em:
PDF
Valor total:
R$ 29,65
Este livro pode estar à venda na:
Este ebook também pode estar à venda na:
Sinopse

Podemos chamar alguém de poeta sem conhecer sua

poesia? Ádyla Maciel é poeta? Dá pra afirmar apenas

olhando pra ela, sem ter lido sua obra? Existe um modo

especial de ser que caracteriza se alguém é Poeta?

Os poetas Mário Quintana e Carlos Drummond de

Andrade acreditavam que sim.

Quintana montou seu cavalo em Porto Alegre

e engrossou a marcha dos militares que saíram do Rio

Grande do Sul para tomar o poder no Rio de Janeiro,

liderados por Getúlio Vargas. Lá, Quintana conheceu

Cecília Meireles. Os historiadores chamam este capítulo da

História do Brasil de Revolução de 1930.

Com esta “revolução” houve a tomada armada de

poder, no qual Vargas ficou por 15 anos, oito dos quais

como ditador do Estado Novo (1937-45).

Devo dizer, contrariando Fernando Pessoa: toda

ditadura é abominável. A eleição presidencial de 1930 foi a

décima-segunda eleição presidencial e a décima-primeira

eleição presidencial direta no Brasil.

Características
ISBN 978-85-62781-27-8
Número de páginas 74
Edição 1 (2017)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 75g
Fale com o autor
Publicações relacionadas
Ver a lista completa
Comentários
0 comentários