Cristianismo Protestante e Espiritismo Kardecista
Uma análise teológica sobre semelhanças e diferenças entre eles
Categorias
Ciências da Religião, Filosofia, Teologia, Filosofia / Religião, História E Mapas, Metafísica
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 2731 vezes desde 08/07/2015
Versão
impressa
R$ 33,82
Valor total:
R$ 33,82
Versão
ebook
R$ 12,92
Disponível em:
PDF
Valor total:
R$ 33,82
Este ebook também pode estar à venda na:
Sinopse

A pesquisa analisa algumas semelhanças e diferenças entre o Cristianismo Protestante e o Espiritismo Kardecista. Uma das diferenças entre ambas as religiões é a doutrina da reencarnação. Os protestantes afirmam, segundo a Bíblia Sagrada, que a reencarnação não existe, pois é ordenado aos seres humanos morrerem uma única vez (cf. Hebreus 9.27). Os Kardecistas afirmam que João Batista seria a reencarnação de Elias. As semelhanças entre ambas as confissões religiosas são encontradas nos Evangelhos, principalmente nos ensinamentos morais de Jesus Cristo. Um exemplo de semelhança é encontrado em Mateus 7.21 e em Lucas 10.25-37 (a parábola do bom samaritano) onde Jesus Cristo nos recomenda seguir o exemplo de bondade e de justiça do samaritano, que era considerado herético pelo sacerdote e pelo levita, que eram representantes do judaísmo oficial.

Características
Número de páginas 136
Edição 1 (2015)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 75g
Fale com o autor
Franciele Dias Pelaquim

Franciele Dias Pelaquim é Teóloga, graduada pela Faculdade de Teologia da Universidade Metodista de São Paulo. Concentra suas pesquisas nas áreas de Teologia e História e Teologia das Religiões.

Publicações relacionadas
Ver a lista completa
Impresso
R$ 40,28
Ebook
R$ 11,84
Impresso
R$ 33,83
Ebook
R$ 15,07
Impresso
R$ 49,71
Ebook
R$ 27,98
Impresso
R$ 37,71
Ebook
R$ 19,37
Impresso
R$ 35,06
Ebook
R$ 16,14
Impresso
R$ 38,88
Ebook
R$ 15,07
Impresso
R$ 46,11
Ebook
R$ 21,42
Impresso
R$ 37,38
Ebook
R$ 19,37
Impresso
R$ 31,39
Ebook
R$ 15,07
Comentários
0 comentários