Família a Bordo - Uma viagem cultural por 50 cidades em 100 dias
Categorias
Biografia, Turismo, Aventureiros E Exploradores, Ensaios E Viagem, Viagem Em Família, Família E Relacionamentos
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 4439 vezes desde 23/03/2015
Versão
impressa
R$ 43,38
Valor total:
R$ 43,38
Versão
ebook
R$ 16,25
Disponível em:
PDF
Valor total:
R$ 43,38
Este ebook também pode estar à venda na:
Sinopse

Em 2011, a Família a Bordo percorreu 50 cidades da América Latina, levando intervenções musicais, ações de incentivo à leitura, oficinas de produção cultural e multimídia, curtas-metragens e documentários para escolas, universidades, centros culturais e praças públicas, durante 100 dias de atividades intensas pelos estados brasileiros de Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro, além de Argentina e Uruguai.

Na estrada conheceram a maior qualidade do brasileiro: a solidariedade. Hospedaram-se em casas de pessoas que não conheciam, em sedes de rádios, em hotéis cedidos por secretarias municipais de cultura e até mesmo em bibliotecas e museus. Todo o trajeto foi feito por ônibus de linha, além de contarem com algumas caronas no caminho. A cada cidade que chegavam se deparavam com novas surpresas, desafios e amizades e as palavras que mais ouviram foram “Coragem” e “Saudade”.

No livro Família a Bordo - Uma viagem cultural por 50 cidades em 100 dias, Grazi Calazans conta a história desta família apaixonada por cultura, com detalhes, curiosidades e depoimentos emocionantes daqueles que os receberam, além de uma variedade de fotos desta incrível jornada.

Características
Número de páginas 326
Edição 1 (2015)
Formato A5 (148x210)
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 75g
Fale com o autor
Grazi Calazans

Grazi Calazans foi criada no Rio de Janeiro, onde viveu até 2008. Estudou Ciências da Computação e trabalha com desenvolvimento de sites e sistemas desde 1999. Tem muitas paixões, dentre elas música, fotografia, livros e viagens. Trabalha como fotógrafa amadora, com muito gosto por fotografar paisagens e eventos. Já percorreu mais de 100 cidades em 8 países, realizando atividades culturais e sociais.

Outra paixão é a escrita, que a levou a cursar Letras por um tempo na Universidade Aberta do Brasil. Gosta de escrever sobre as suas experiências e as relações humanas e está lançando o livro Diálogos (reais) de um Psicopata, além de ter terminado seu primeiro romance, Espelho Quebrado, ainda sem data de lançamento prevista.

Residiu na Europa por 2 anos e meio, sendo consultora de comunicação na produtora de eventos Formigas e colaboradora em diversas publicações culturais e turísticas, como o site O Viajante e a Revista Usina da Cultura, além de ter fundado o site de música Eu Amo ao Vivo e de ser oficineira no projeto Algures.

Mãe orgulhosa da Layla, que quer ser atriz e gourmet, e do Dimitri, que já tem seu par de baquetas, Grazi é nômade por natureza, pois para ela quem cria raiz é árvore.

Ainda pretende realizar muitos sonhos, talvez um dia ser realizadora (tem uma dezena de ideias para documentários), mas o maior deles é rodar o mundo fazendo trabalhos sociais.

Blog da autora: grazicalazans.blogspot.com

Blog do livro Diálogos (reais) de um Psicopata: dialogosdeumpsicopata.blogspot.com

O Viajante: oviajante.com/author/grazicalasans/

Eu Amo ao Vivo: www.euamoaovivo.com

Dimi on the Road: www.dimiontheroad.blogspot.com

Algures: www.culturaalgures.blogspot.com

Mais publicações desse autor
Ver a lista completa
Impresso
R$ 37,54
Ebook
R$ 16,14
Publicações relacionadas
Ver a lista completa
Impresso
R$ 42,63
Impresso
R$ 46,20
Ebook
R$ 11,84
Impresso
R$ 54,39
Ebook
R$ 33,37
Impresso
R$ 41,27
Ebook
R$ 17,22
Impresso
R$ 37,93
Ebook
R$ 17,22
Impresso
R$ 47,49
Ebook
R$ 12,58
Impresso
R$ 32,72
Ebook
R$ 17,22
Impresso
R$ 34,51
Ebook
R$ 13,99
Comentários
2 comentários
Ane
Sexta | 22.05.2015 às 19h05
Foi uma leitura leve, muito agradável que me prendeu a atenção fazendo com que eu terminasse em 3 dias. Foi muito legal poder acompanhar a trajetória de vocês, principalmente depois de tê-los conhecido pessoalmente, recomendo o livro como inspiração para os aventureiros e para os não tão aventureiros como eu para pelo menos admirarmos essas pessoas que considero realmente livres.
Maria Lucia
Terça | 07.04.2015 às 14h04
Já garanti o meu!!!