Linhas apagadas: do coletivo como arcaico ao individual como moderno
(a extinção dos bondes na década de 1940)
Categorias
Ciências Humanas E Sociais, Transporte, Transporte Público
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 3478 vezes desde 06/11/2013
Versão
impressa
R$ 36,20
Valor total:
R$ 36,20
Versão
ebook
R$ 11,84
Disponível em:
PDF
Valor total:
R$ 36,20
Este livro pode estar à venda na:
Este ebook também pode estar à venda na:
Sinopse

Pesquisa sócio histórica sobre a extinção dos bondes na década de 1940 feita a partir de material de imprensa da época e de entrevista com Barbosa Lima Sobrinho, ex-governador de Pernambuco. A análise do caso de Recife não perdeu de vista o contexto nacional. O fio condutor da pesquisa foi o exame da ideologia da modernização como discurso da deslegitimação do transporte tranviário como antigo e incentivo concomitante ao modal rodoviário como moderno.

Características
ISBN 978-85-916189-7-2
Número de páginas 259
Edição 2 (2013)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 75g
Fale com o autor
Gilvando Sá Leitão Rios

Sociólogo, professor aposentado da UFPB, autor de "Que é cooperativismo", Brasiliense e "Fora dos trilhos - a questão ferroviária com questão social", Ed. Universitária UFPB.

Comentários
0 comentários