O Túnel do tempo - volume 3
GÉO OMORI, o PAI do JIU-JÍTSU BRASILEIRO!
Código do livro: 409979
Categorias
Geografia E Historia, Esportes E Lazer, Biografia e Testemunho
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 30 vezes desde 25/11/2021
Versão
impressa
R$ 89,27
Valor total:
R$ 89,27
Valor total:
R$ 89,27
Este livro pode estar à venda na:
Sinopse

Iniciamos neste terceiro volume no ano de 1922, quando do registro de Takaharu Saigó, em apresentação do Jiu-Jítsu, no Campo do Clube Paulistano em São Paulo – Capital. Saigo fundou uma academia a rua Brigadeiro Luiz Antônio na Cidade de São Paulo.

Em seguida registramos em 1928, a figura de Géo Omori, um dos maiores e mais importante introdutores do “Jiu-Jítsu” de forma sistemática no Centro Sul do Brasil entre os anos de1928/1938, sendo o primeiro a realizar uma luta de “Valendo Tudo”, quando lutou em 1929, contra o capoeirista Argemiro Feitosa.

Quando Géo Omori iniciou em 1.928, as lutas de “Jiu-Jítsu” contra a luta “Greco-romana” e a “Capoeira”, no “Circo Queirolo” na Capital Paulista, o “Jiu-Jítsu” era completamente desconhecido do público amante dos esportes de luta. O “Jiu-Jítsu” foi introduzido no Brasil de forma sistemática em 1.909, quando a “Marinha Brasileira” contratou em “Hong Kong” (no domínio inglês na época), o japonês “Sada Myiako” (Sack Miura), e o “Jiu-Jítsu” ficou restrito a organizações militares e policiais. Em 1.914 Mitsuyo Mayeda (Conde de Koma) e sua troupe, após algumas apresentações no Centro-Sul do Brasil, se dirigiram ao “Extremo Norte do Brasil” (Belém do Pará-PA e Manaus – AM, para organizarem o assentamento de uma grande colônia japonesa.

Géo Omori foi a partir de 1.928, passou a ensinar o “Jiu-Jítsu” de forma contínua e o tornou respeitado por todas as modalidades de lutas, já que suas técnicas eram as mais eficientes na luta corpo-a-corpo.

Géo Omori deverá ser considerado o “Pai do Valendo Tudo”, precursor do “Vale Tudo” e o verdadeiro e oculto “Mestre do irmãos Gracie”, e “Pai Jiu-Jítsu Brasileiro”.

Após o lançamento, essa obra vai se constituir em um marco histórico no resgate da história do Jiu-Jítsu no Brasil.

O Autor

Características
ISBN 978-85-922428-3-1
Número de páginas 700
Edição 1 (2021)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 75g

Tem algo a reclamar sobre este livro? Envie um email para atendimento@clubedeautores.com.br

Fale com o autor
Marcial Serrano

Marcial Serrano 67 anos, é graduado faixa preta em Jiu-Jítsu desde 1982 pelo grande mestre Oswaldo Carnivalle 9º DAN, pela Federação Paulista de Jiu-Jítsu.

Hoje se considera estudioso das artes marciais, pois desde 1992 vem fazendo pesquisas para a elaboração de diversos manuais. Tendo um dos maiores acervos históricos sobre o Jiu-Jítsu e Judô.

Lançando dois manuais do método Kawaishi nesse ano de 2012, em fase final a "Gênese do Jiu-Jítsu" com previsão para o inicio de 2013 e mais três manuais já em elaboração para serem lançados até 2015.

Espera dar grande contribuição para a arte no Brasil!

Comentários

Faça o login deixe o seu comentário sobre o livro.

0 comentários