O USO DOS FUNDOS DE CONSUMO
A dinâmica da expansão metropolitana da Cidade de São Paulo
Categorias
Didáticos, Educação, Geografia E Historia
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 14632 vezes desde 09/12/2014
Versão
impressa
R$ 38,11
Valor total:
R$ 38,11
Valor total:
R$ 38,11
Este livro pode estar à venda na:
Sinopse

Uma grande contribuição do trabalho foi trazer para dentro da Geografia a questão do Rodoanel, obra agora pouco debatida entre os geógrafos. Procura chamar para dentro do discurso os impactos que esta grande obra viária vem trazer como solução para o problema da mobilidade urbana na metrópole. Poucos são os trabalhos que, ao analisar as diferentes formas de intervenção no espaço construído da metrópole, utilizam-se da política do uso do crédito de carbono. Mesmo que a pesquisa tenha se concentrado mais no entorno da região da Cantareira, é possível compreendermos seu método de análise e estendermos seu raciocínio para outros estudos, sobretudo quando estivermos pesquisando problemas de impactos ambientais. Inicialmente, sinalizamos que o presente trabalho de pesquisa traz uma grande contribuição para o avanço da ciência geográfica, dando destaque para a ação do capital imobiliário e seu caráter predador e como vem atuando na produção do espaço.

Franscisco Capuano Scarlato

Professor Sênior do Departamento de Geografia e do Programa de Pós-Graduação em Geografia da USP

A presente investigação parte da observação da realidade a partir de suas contradições tendo como base epistemológica o método dialético. Para se captar as dinâmicas espaciais das contradições do espaço geográfico, foi utilizada a análise da forma, função, estrutura e processo dos objetos do estudo. O recorte é a Metrópole de São Paulo, de onde são extraídos os exemplos que dão origem aos capítulos. A redação final não teve a intenção de ser um texto de “denúncia” ou “planfletário”. Antes, o que aqui realmente se pretendeu realizar foi uma geografia crítica e isto se prova pelo referido esforço metodológico. Todavia, se o conteúdo da escrita assim não parecer, será algo muito mais decorrente da própria natureza do dado ou da informação expostos do que produto de uma interpretação livre e arbitrária.

Do autor

Características
ISBN 978-85-64137-47-9
Número de páginas 251
Edição 1 (2014)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 75g
Carlos Alberto Rizzi

A Todas as Musas surgiu no universo editorial on-line em Julho de 2009, com a publicação do primeiro número da sua revista acadêmica. Mantendo rigorosamente os seus níveis de qualidade e periodicidade, essa publicação chegou, em fevereiro de 2011, ao seu quarto número, tendo sido já avaliada pela CAPES como B2 (excelente qualificação para uma revista independente).

A partir de 2010, a revista começou a ser impressa e a editora iniciou seus trabalhos no sistema de impressão sob demanda.

Comentários
0 comentários