OLYMPUS: LIVRO XIV - ATENAS

300 POEMAS

Por MARCOS AVELINO MARTINS

Código do livro: 635894

Categorias

Poesia, Literatura Nacional, Entretenimento

Compartilhe este livro
Esta página foi vista 471 vezes desde 19/01/2024
Versão
impressa
R$ 73,50
Valor total:
R$ 73,50
Versão
ebook
R$ 30,40
Leia em Pensática
Valor total:
R$ 73,50
Este livro pode estar à venda na:
Este ebook também pode estar à venda na:

Sinopse

Descubra a intensidade do amor, da paixão e da saudade em "OLYMPUS: LIVRO XIV - ATENAS", o 16º volume da emocionante série "OLYMPUS". Assim como os outros volumes, é composta por 300 poemas sensualmente líricos, divididos em 14 capítulos, cada um dedicado a um deus grego, com temas diversos e atuais, e mergulhando fundo em cada nuance das experiências humanas.

"Vá embora, solidão,

Vê por favor se me esquece,

Vá procurar outro desolado coração,

Que como o meu, de abandono padece..."

Cada verso é uma janela para a alma, revelando a dor da separação, o desejo apaixonado e as lembranças que resistem ao teste do tempo. Em uma dança de palavras, o autor descreve o calor dos abraços perdidos e a doçura dos beijos que a vida levou.

"Sua mensagem subliminar não mais capto,

De tanto levar foras, tenho desvio de septo,

E por causa disso, cheiro óleo de eucalipto.

Como você não me quis, pela solidão eu opto,

E saí então da sua vida, de modo abrupto!"

Os versos falam de desilusões, mas também de redenção. "OLYMPUS: LIVRO XIV - ATENAS" é uma jornada pelos altos e baixos do amor, da exaltação dos momentos apaixonados à dor das despedidas, tudo imortalizado em 4.800 poemas nesta série única.

"E é então que teu fogo explode,

Nós dois, nesse jogo encantado,

Um ao outro inexplicavelmente imantados,

Nessa louca ânsia de beijos e movimentos

Que chamam por aí de amor..."

Prepare-se para uma experiência literária que transcende as palavras, tocando o âmago das emoções humanas. Seja arrebatado por essa obra-prima de poesia que revela o verdadeiro poder das palavras quando utilizadas para explorar os mistérios do coração.

"Foi a noite que nos fez apaixonar

Um pelo outro de forma inexplicável,

E rompermos as fronteiras do amor lírico,

Explorando-nos de formas pouco usuais...

Mas foi a mesma noite que não soube ocultar,

As desavenças que começaram de modo implacável,

Que invadiram de repente nosso mundo onírico,

E foi ela que te levou, e não devolveu nunca mais..."

"OLYMPUS: LIVRO XIV - ATENAS" é mais do que uma coleção de poemas; é um convite para mergulhar na alma humana, explorando os recantos mais íntimos dos relacionamentos e descobrindo a beleza das palavras quando entrelaçadas com emoção. Garanta o seu exemplar e deixe-se envolver por esse universo poético incomparável.

---------------------------------- X ----------------------------------

Alguns trechos:

"Vá embora, solidão,

Vê por favor se me esquece,

Vá procurar outro desolado coração,

Que como o meu, de abandono padece..."

"A vida te levou de mim,

E nunca mais me devolveu

A doçura de teus beijos,

O calor de teus abraços

O fogo de nossas transas selvagens,

Entre sussurros e gemidos,"

"Sua mensagem subliminar não mais capto,

De tanto levar foras, tenho desvio de septo,

E por causa disso, cheiro óleo de eucalipto.

Como você não me quis, pela solidão eu opto,

E saí então da sua vida, de modo abrupto!"

"E é então que teu fogo explode,

Nós dois, nesse jogo encantado,

Um ao outro inexplicavelmente imantados,

Nessa louca ânsia de beijos e movimentos

Que chamam por aí de amor..."

"E comigo acontece algo assim,

Inesperado, inconfessável, pungente,

Numa reminiscência recorrente

Que a máquina do tempo chamada memória

De vez em quando me traz,

E faz-me sentir, extraído de algum mecanismo invisível,

O indelével e inesquecível gosto

Daquele último beijo apaixonado

Que dos seus lábios provei..."

"Foi a noite que nos fez apaixonar

Um pelo outro de forma inexplicável,

E rompermos as fronteiras do amor lírico,

Explorando-nos de formas pouco usuais...

Mas foi a mesma noite que não soube ocultar,

As desavenças que começaram de modo implacável,

Que invadiram de repente nosso mundo onírico,

E foi ela que te levou, e não devolveu nunca mais..."

"E, enquanto eu te desbravo,

Tu me fazes de teu escravo,

Conduzindo-me por tuas entranhas,

Para matar tuas sedes tamanhas,

Beijando-me por vezes sem conta,

Até que afinal o Sol desponta,

Num novo dia que se anuncia,

Em que me despertaste o dom da Poesia..."

"Vá embora, solidão,

Vê por favor se me esquece,

Vá procurar outro desolado coração,

Que como o meu, de abandono padece..."

"Foi naquela noite estranha

Que eu esqueci a tua senha,

E então tu perdeste a linha,

Dizendo-me uma frase medonha,

Da qual só a noite foi testemunha..."

"Quando se vê, um ano passou sem deixar saudade,

Apenas doze meses que passaram voando,

Até chegar um novo encontro com antigos colegas de faculdade,

Numa noite inteira, antigas histórias contando.

Nesses encontros saudosos,

Descobre-se que velhos amigos se foram,

Assim como antigos casos amorosos,

Em um desses anos que tão rapidamente evaporam."

"O amor que sinto por você

É em nível molecular,

E está espalhado

Pelas células de meu corpo,

Que pulsam por você,

Fervem por você,

Enquanto eu viver..."

"Foi apenas num átimo,

Ao tomar um drinque que já era o sétimo,

Que percebi que meu amor por você é legítimo

E logo depois, comecei a me sentir ótimo,

Quando decidi que aquele gole seria o último!"

"Os nossos beijos dos quais mais me recordo

São aqueles beijos roubados,

Impregnados de manhãs e de risos,

E ao me lembrar deles, de lágrimas transbordo,

Mas não deveriam ser desse jeito lembrados,

Mas sim com saudosos sorrisos..."

"No silêncio que em tudo ficou,

A sua ausência de repente grita,

Agora, que de nós nada restou,

E ficou essa saudade maldita,

Que em tudo aqui se permeou,

Pela frase 'Te amo', nunca dita..."

"Saiba que a minha paixão por você é tamanha,

Que você é o fogo que acende minha lenha,

Você é o sorvete, eu sou só a casquinha,

Você é o vício do qual não tenho vergonha,

Só escrevo uma obra-prima, depois que você a rascunha..."

"Quando chegar o fim de nós dois

E houveres enfim partido

Apenas cinco minutos depois

Eu já terei para sempre te esquecido"

"E, à medida que o tempo, veloz, vai passando,

Cada vez mais, de você vou me esquecendo,

Mas não me esqueci ainda de seu sorriso lindo,

E da beleza de seu busto firme e redondo,

Mas vou te apagando de mim, um pouco a cada segundo..."

"Essas coisas pesadas de que você me acusa,

Quase que diariamente,

Foram aos poucos desconstruindo os muros

Que nos protegiam do mundo exterior,

Substituídos por frágeis paredes de vidro,

Rachadas, cheias de trincas e riscos,

Prestes a desabarem,

Em infinitos cacos esparramados pelo chão,

Tristes memórias do que já não somos,"

"O peso dos anos cada vez mais se escancara,

Lembrar-me de todo o passado, virou só uma quimera,

Mas, quando penso em você, meu coração ainda pira,

E, ao cair a noite, a saudade ainda piora,

Como sobreviver sem você, nessa noite tão escura?"

"Essa máquina do tempo que chamamos memória

Diverte-se em rever momentos que queríamos esquecer,

Ou algum episódio perdido em nossa remota história,

Ou alguma lembrança que queríamos fazer desaparecer..."

"Nós juntos demos liga, é um sonho fazer parte disso,

Em nossa relação antiga, fascinei-me por teu doce feitiço,

Entrei de cabeça nesse relacionamento confuso,

E mesmo que enlouqueça, cada vez mais me seduzo,"

"Na noite dos tempos, jaz o amor,

Em algum túmulo assustador,

No seu lugar, ficou esse horror,

Uma lembrança que me desanima,

E sem nenhuma lápide por cima,

Um cadáver sem versos e nem rima."

"E, quando depois de uma áspera discussão,

Afinal desisti e fui embora,

Debaixo de uma chuva torrencial,

Ninguém chorou por nós,

Exceto a noite..."

"Por isto se vá, sem nem lembrar o que fomos,

De como se encaixaram nossos cromossomos,

Naquele relacionamento tão sensacional,

Dissipando-se até chegar nesse triste ponto final..."

"Uma saudade que comprime como um torniquete,

Deixando feridas que não saram,

Irremediavelmente expostas,

Que aos poucos gangrenam,

Definitivamente corrompidas,

Nessas reminiscências que nunca param,

Pelo punhal imaginário cravado em minhas costas,

E pelos olhares acusatórios que nos condenam,

Um odiando o outro, pelo resto de nossas vidas!"

Características

ISBN 9798876055323
Número de páginas 403
Edição 1 (2024)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Couche 90g
Idioma Português

Tem algo a reclamar sobre este livro? Envie um email para atendimento@clubedeautores.com.br

Fale com o autor

MARCOS AVELINO MARTINS

BIOGRAFIA

Engenheiro Eletricista pela Universidade de Brasília por formação, Analista de Sistemas por opção, poeta por destino, casado, 2 filhos e 1 neto, apreciador de boa música, cinema, literatura, HQs, seriados e amigos (não necessariamente nesta ordem).

Escreve desde os 17 anos, inicialmente letras de músicas, alguns contos avulsos, poemas esparsos, e de alguns anos para cá, com uma produção intensa, com mais de 140 livros publicados, todos eles pelo Clube de Autores e pela Amazon, exceto "Poeticamente teu", da Coleção Prosa e Verso 2019 da Prefeitura de Goiânia - GO.

LIVROS PUBLICADOS:

1. OS OCEANOS ENTRE NÓS

2. PÁSSARO APEDREJADO

3. CABRÁLIA

4. NUNCA TE VI, MAS NUNCA TE ESQUECI

5. SOB O OLHAR DE NETUNO

6. O TEMPO QUE SE FOI DE REPENTE

7. MEMÓRIAS DE UM FUTURO ESQUECIDO

8. ATÉ A ÚLTIMA GOTA DE SANGUE

9. EROTIQUE

10. ATÉ QUE A ÚLTIMA ESTRELA SE APAGUE

11. NÃO ME LEMBREI DE ESQUECER DE VOCÊ

12. EROTIQUE 2

13. A CHUVA QUE A NOITE NÃO VIU

14. A IMENSIDÃO DE SUA AUSÊNCIA

15. SIMÉTRICAS

16. AS VEREDAS ONDE O MEU OLHAR SE PERDEU

17. A MAGIA QUE SE DESFEZ NA NOITE

18. QUAL É O SEGREDO PARA VIVER SEM VOCÊ?

19. OS TRAÇOS DE VOCÊ

20. STRADIVARIUS

21. OS SEGREDOS QUE ESCONDES NO OLHAR

22. ATÉ SECAREM AS ÚLTIMAS LÁGRIMAS

23. EROTIQUE 3

24. OS POEMAS QUE JAMAIS ESCREVI

25. TUA AUSÊNCIA, QUE ME DÓI TANTO

26. OS DRAGÕES QUE NOS SEPARAM

27. O VENTO QUE NA JANELA SOPRAVA

28. EROTIQUE 4

29. A NOITE QUE NUNCA MAIS TERMINOU

30. AS HORAS QUE FALTAM PARA TE VER

31. OLYMPUS: LIVRO 1 – EROS (1ª PARTE)

32. OLYMPUS: LIVRO 1 – EROS (2ª PARTE)

33. NO AR RAREFEITO DAS MONTANHAS

34. VOCÊ SE FOI, MAS ESTÁ AQUI

35. O AMOR QUE SE FOI E NÃO VOLTOU

36. OS VÉUS DA NOITE

37. OLYMPUS: LIVRO II - ARES, ARTHEMIS, ATHENA, CHRONOS, HADES, MORPHEUS E POSEIDON

38. MADRUGADAS DE SEDUÇÃO

39. O LUAR QUE EM TEUS OLHOS HABITA

40. QUANDO SUA AUSÊNCIA ERA TUDO QUE HAVIA (contos e crônicas)

41. ESSA SAUDADE QUE NÃO QUER IR EMBORA

42. OLYMPUS: LIVRO I - EROS (3ª PARTE)

43. UM ÚLTIMO BEIJO EM PARIS

44. OLYMPUS: LIVRO III - APHRODITE, APOLLO, GAIA, HERA E ZEUS

45. DE QUAL SONHO MEU VOCÊ FUGIU?

46. O LABIRINTO NO FIM DO POEMA

47. CADÊ O AMOR QUE ESTAVA AQUI?

48. OS RIOS QUE FOGEM DO MAR

49. ÚLTIMOS VERSOS PARA UM PERDIDO AMOR

50. OLYMPUS: LIVRO IV - PANTHEON

51. AH, POESIA, O QUE FIZESTE?

52. UM VERSO SUICIDA

53. ELA SE FOI, E NEM DEIXOU MENSAGEM

54. A NAVE QUE TE LEVOU PARA LONGE

55. EROTIQUE 5

56. O LADO NEGRO DA POESIA

57. UM OLHAR VINDO DO INFINITO

58. APENAS UM CONTADOR DE HISTÓRIAS

59. RÉQUIEM PARA UM AMOR NAUFRAGADO

60. OLYMPUS: LIVRO V - THESSALIA

61. POETICAMENTE TEU (da Coleção Prosa e Verso 2019 da Prefeitura de Goiânia - GO)

62. AQUELA NOITE DO ADEUS

63. PASSOS QUE SE AFASTAM NA NOITE

64. FRAGMENTOS DE UM SONHO QUE PASSOU

65. OLYMPUS: LIVRO VI – PARTHENON

66. PASSAGEM PARA A SAUDADE

67. A PORTA DA SOLIDÃO

68. NUNCA MAIS TEUS BEIJOS

69. EROTIQUE 6

70. CIRANDA POÉTICA

71. AS HISTÓRIAS QUE NÃO TE CONTEI

72. A ÚLTIMA VEZ EM QUE TE AMEI

73. ESSA AUSÊNCIA QUE ME DEVORA

74. A NOITE IMENSA SEM ELA

75. OLYMPUS: LIVRO VII – ACROPOLIS

76. PORÕES E NAUFRÁGIOS

77. UM TROVADOR NO SÉCULO XXI

78. RESQUÍCIOS DE UM SORRISO TEU

79. CRONOS ENLOUQUECEU!

80. OLYMPUS: LIVRO VIII - MUSAS E MEDUSAS

81. SOMBRAS QUE RESTARAM DE NÓS

82. EROTIQUE 7

83. A CAIXA DE TINTAS DE DEUS

84. PONTES PARA LUGAR NENHUM

85. VELAS SOLTAS AOS VENTOS SOLARES

86. HISTÓRIAS QUE A NOITE NOS TRAZ

87. VESTÍGIOS DE UM FOGO QUE SE APAGOU

88. ARTÍFICE DE VERSOS

89. O TEMPO, ESSE CARRASCO

90. OLYMPUS: LIVRO IX - ESPARTA

91. ESSA SOMBRA EM TEU OLHAR

92. OS OLHOS MÁGICOS DA POESIA

93. VERSOS QUE JAMAIS ESQUECI

94. LÁGRIMAS PROSCRITAS

95. EROTIQUE 8

96. UMA HORA ANTES DO FIM

97. POR TRÁS DA MÁSCARA BRANCA

98. PER...VERSOS AO ANOITECER

99. SOB O OLHAR DE UM POETA

100. TODOS AQUELES VERSOS DE AMOR

101. ESTILHAÇOS DE POEMAS

102. OLYMPUS: LIVRO X - NINFAS

103. TODAS AS ESTAÇÕES DA ALMA

104. LEMBRANÇAS DE UM FUTURO DISTANTE

105. EROTIQUE 9

106. AO DOCE SOM DE UM BOLERO

107. NÁUFRAGOS NA NOITE SEM FIM

108. A FONTE DO LIRISMO

109. RETRATOS DO DESENCONTRO

110. OLYMPUS: LIVRO XI - CENTAUROS

111. MEMÓRIAS DE NUNCA

112. UM GRITO PRESO NA ALMA

113. NOS OLHOS DE UM POEMA

114. EROTIQUE 10

115. SOB O OLHAR DE UM POETA 2

116. EM ALGUMA OUTRA GALÁXIA

117. UM TORNIQUETE CHAMADO SAUDADE

118. AS LÁGRIMAS QUE NÃO SECARAM

119. VIAGEM AO FUNDO DO OLHAR

120. OLYMPUS: LIVRO XII - MARATHON

121. A QUESTÃO QUE NÃO SEI FORMULAR

122. MICRO UNI-VERSOS

123. AS LUAS QUE NO CÉU FLUTUAM

124. O DOCE UIVO DOS VENTOS

125. UM TORNIQUETE CHAMADO SAUDADE (VOL. 2)

126. O DESTINO NÃO MANDA MENSAGEM

127. EROTIQUE 11

128. UM ADEUS COM HORA MARCADA

129. UM SONHO DO QUAL EU NÃO QUIS ACORDAR

130. OLYMPUS: LIVRO XIII - TEBAS

131. O PEDAÇO DE MIM QUE ROUBARAM

132. PERDIDO NAS DOBRAS DO TEMPO

133. ESSA INDECIFRÁVEL SOLIDÃO

134. UM INSTANTE ANTES DE NUNCA

135. AQUELA PALAVRA CHAMADA ADEUS

136. EROTIQUE 12

137. DESCONSTRUINDO MUROS DE ILUSÃO

138. EXCETO A NOITE 139. DIRETO AO CORAÇÃO

140. A SOLIDÃO QUE NUNCA SE ACABA

141. UM ESPECTRO PERDIDO NA ESCURIDÃO

142. EROTIQUE 13

143. OLYMPUS: LIVRO XIV - ATENAS

144. HISTÓRIAS SURREAIS

145. SOB O OLHAR DE UM POETA 3

EDIÇÕES ESPECIAIS:

015. SIMÉTRICAS – 200 SONETOS (OU COISA PARECIDA) DE AMOR (OU COISA PARECIDA)

046. O LABIRINTO NO FIM DO POEMA (400 POEMAS PARA A JUVENTUDE)

056. O LADO NEGRO DA POESIA (150 POEMAS SOMBRIOS)

085. VELAS SOLTAS AOS VENTOS SOLARES (200 POEMAS ONDE O VENTO É PERSONAGEM)

099. SOB O OLHAR DE UM POETA (300 POEMAS SOBRE A POESIA - VOL. 1)

100. TODOS AQUELES VERSOS DE AMOR (400 POEMAS DE AMOR)

109. RETRATOS DO DESENCONTRO (200 POEMAS LONGOS SOBRE ENCONTROS E DESENCONTROS)

115. SOB O OLHAR DE UM POETA (300 POEMAS SOBRE A POESIA - VOL. 2)

117. UM TORNIQUETE CHAMADO SAUDADE (200 POEMAS SOBRE SAUDADE - VOL. 1)

122. MICRO UNI-VERSOS (250 POEMAS CURTOS)

125. UM TORNIQUETE CHAMADO SAUDADE (200 POEMAS SOBRE SAUDADE - VOL. 2)

125. UM TORNIQUETE CHAMADO SAUDADE VOL. 2

135. AQUELA PALAVRA CHAMADA ADEUS (150 POEMAS SOBRE DESPEDIDAS)

139. DIRETO AO CORAÇÃO (150 POEMAS EMOCIONANTES)

140. A SOLIDÃO QUE NUNCA SE ACABA (150 POEMAS SOBRE SOLIDÃO)

141. UM ESPECTRO PERDIDO NA ESCURIDÃO

142. EROTIQUE 13

143. OLYMPUS: LIVRO XIV - ATENAS

144. HISTÓRIAS SURREAIS

145. SOB O OLHAR DE UM POETA 3

SÉRIES:

OLYMPUS - 15 VOLUMES (CADA UM COM 300 POEMAS)

EROTIQUE - 13 VOLUMES (CADA UM COM 50 POEMAS SENSUALMENTE LÍRICOS)

Participante das antologias:

• “Declame para Drummond 2012” (2012), com o poema “Máscaras”;

• Antologia 2015 – Literatura Goyaz” (2015), com os poemas “Os oceanos entre nós” e “Morpheus”;

• “Desafio” (2016), com os poemas “Finito”,”De solidão e de sonhos” e “Olhar”;

• “Dez Poetas e Eu – Vol. 3” (2016), com os poemas “Átimo”, “Diário”, “Julgamento”, “Roleta russa”, “Buracos negros”, “Paronímia”, “As últimas gotas de orvalho”, “Repositório”, “Simplesmente você” e “Quando eu te conheci”; e

• “Raiz da Poesia” (2017), antologia internacional entre países de língua portuguesa, com os poemas “Os segredos que escondes no olhar”, “Borboleta”, “Autópsia”, “La nuit”, “O tio da suspeita”, “Aldebaran” e “Os sons do silêncio”.

• “1001 Poetas” (2022), da Câmara Brasileira de Livros, com o poema “Coração Azevedo”.

Página no site “Templo de Delfos”, relicário da Literatura:

http://www.elfikurten.com.br/2016/08/marcos-avelino-martins.html

Contato: cygnusinfo@gmail.com

Celular: (62) 99971-9306

Mais publicações desse autor
Ver a lista completa
Impresso
R$ 72,91
Ebook
R$ 30,40
Impresso
R$ 55,08
Ebook
R$ 30,40
Impresso
R$ 52,81
Ebook
R$ 27,01
Impresso
R$ 70,71
Ebook
R$ 30,40
Impresso
R$ 53,43
Ebook
R$ 30,40
Impresso
R$ 75,77
Ebook
R$ 30,40
Impresso
R$ 53,62
Ebook
R$ 30,40
Impresso
R$ 61,83
Ebook
R$ 27,01
Impresso
R$ 52,81
Ebook
R$ 27,01
Impresso
R$ 52,48
Ebook
R$ 27,01
Impresso
R$ 59,20
Ebook
R$ 27,01
Publicações relacionadas
Ver a lista completa
Impresso
R$ 39,49
Ebook
R$ 22,49
Impresso
R$ 46,93
Ebook
R$ 23,62
Impresso
R$ 50,57
Ebook
R$ 21,36
Impresso
R$ 68,57
Ebook
R$ 27,01
Impresso
R$ 50,73
Impresso
R$ 51,82
Ebook
R$ 27,01
Impresso
R$ 44,56
Ebook
R$ 27,01
Impresso
R$ 48,21
Ebook
R$ 23,87
Impresso
R$ 47,73
Ebook
R$ 22,49
Comentários

Faça o login deixe o seu comentário sobre o livro.

0 comentários