A UTILIZAÇÃO DE MATERIAL LIGNOCELULÓSICO NA PRODUÇÃO DE BIOETANOL
Categorias
Engenharia E Tecnologia Ambiental, Engenharia, Agropecuária, Engenharia E Tecnologia, Ciências Biológicas
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 974 vezes desde 06/05/2018
Versão
impressa
R$ 28,94
Coloração
Valor total:
R$ 28,94
Versão
ebook
R$ 11,84
Disponível em:
PDF
Valor total:
R$ 28,94
Este livro pode estar à venda na:
Este ebook também pode estar à venda na:
Sinopse

O Brasil possui tradição na cultura de cana-de-açúcar e por isso ocupa posição privilegiada na produção mundial de etanol (BASTOS,2007). O Brasil é o segundo maior produtor de etanol no mundo (aproximadamente 27,7% da produção mundial), perdendo apenas para os Estados Unidos (57,5% da produção mundial) (RAF, 2016). De acordo com dados da Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB, 2016), no país a produção (safra 2016/2017) está concentrada na região Sudeste (58,9% da produção brasileira) e só o estado de São Paulo responde

por 48,6 % dessa produção. O etanol é um biocombustível inflamável e incolor muito utilizado em veículos. Trata-se de uma substância renovável, pois sua matéria-prima principal, a cana-de-açúcar, é obtida através de plantas cultivadas pelo

homem. Sua produção consiste na fermentação alcoólica

da matéria-prima (açúcares) com atuação de micro organismos.

Características
ISBN 978-85-5697-525-6
Número de páginas 83
Edição 1 (2018)
Formato A5 (148x210)
Tipo de papel Offset 75g
Mais publicações desse autor
Ver a lista completa
Comentários
0 comentários