Original
Go_to_top Bar
Seu carrinho está
vazio
Olá

Clube de Autores é a maior comunidade de autopublicação da América Latina. Inicie agora!

Livro Dendeicultura e comunidades camponesas da Amazônia paraense

uma análise do município de Moju

Por: Cleison Bastos dos Santos Denunciar

Ajaxloader
de
R$ 35,58
por
R$ 31,04
por
R$ 11,84

Sinopse

A presente obra tem como objeto de estudo os camponeses do município de Moju integrados à cadeia produtiva do dendê. Os objetivos do estudo foram: analisar as formas de associação da agricultura camponesa às empresas Agropalma, Biopalma e Marborges no Moju; examinar como a dendeicultura reinventa a dinâmica do trabalho em comunidades tradicionais no município de Moju; e caracterizar a produção de alimentos nas comunidades tradicionais do Arauaí, Vila da Paz, Apiteua, Olho D'água, Jupuuba, Pirateua, Sarapoí, Severo, São Pedro e Ramal do Levi, que têm unidades familiares produtivas de dendê. No espaço agrário do município de Moju é marcante o cultivo de mandioca (Manihot esculenta) e o fabrico de farinha de mesa. Neste município, a agricultura camponesa possui destaque na produção econômica, cultural e social de centenas de comunidades. O meio rural do município vem sofrendo transformações, sobretudo a partir de 2002, com a chegada do Projeto de Agricultura Familiar com Cultura de Dendê na comunidade do Arauaí, e com mais intensidade no ano de 2004 a 2010, a partir da criação do Programa Nacional de Produção do Biodiesel (PNPB) e do Programa de Produção Sustentável de Palma de Óleo (PPSPO), agora, com a presença de novos empreendimentos, como é o caso da Biopalma Vale, da Petrobrás Biocombustíveis (PBIO), da portuguesa GALP Energia, Guanfeng Group, dentre outros. A partir de então, vem se intensificando o processo de incorporação dos camponeses à cadeia produtiva da palma de óleo. Partimos da hipótese de que a introdução do plantio do dendê trouxe mudanças no modo de vida, nas formas de trabalho e de produção das comunidades camponesas onde a atividade aportou.

Categorias: Ciências Humanas E Sociais, Economia, Geografia E Historia, América Latina, Estudo Das Minorias, Geografia Humana
Palavras-chave: amazônia, camponesas, comunidades, dendeicultura, paraense, território, usado

Características

Cover_front_perspective
Número de páginas: 244

Edição: 1(2015)

ISBN: 978-85-68154-44-1

Formato: A5 (148x210)

Acabamento: Brochura c/ orelha

Tipo de papel: Offset 75g

Reconhecimento

Sobre o autor

Mini
João Santos Nahum e Cleison Bastos dos Santos (Org.)

autor é mojuense formado em Geografia pela Universidade Federal do Pará. Especalista em Geografia da Amazônia pela Fibra - Faculdade Integrada Brasil Amazonia. Mestre em Geografia pelo Programa de Pós Graduação em Geografia da Universidade Federal do Pará (PPGEO). Participou de intercâmbio Acadêmico na USP/SP pelo PROCADCASADINHO entre a UFPA e a USP, em 2013. Pesquisador do Grupo de Pesquisa GDEA Dinâmicas Territoriais do Espaço Agrário da Amazônia- Professor efetivo de geografia da rede pública municipal e estadual.


Mais publicações desse autor

Comentários - 0 comentário(s)


Fale com o autor

*Seu nome

*Seu email

*Mensagem


Como funciona

Passo 1

Você publica seu livro online, gratuitamente.

Passo 2

Você diz quanto quer receber de direitos autorais.

Passo 3

Nós vendemos e você recebe o dinheiro por depósito direto na sua conta.

Serviços profissionais

Conheça nossos serviços

São vários serviços para auxiliá-lo em sua obra:

Depoimentos

"O Clube de Autores está me ajudando a disseminar importantes conhecimentos básicos sobre o transtorno de personalidade borderline, na forma do livro Sensibilidade à Flor da Pele, permitindo que familiares e especialistas no assunto obtenham uma nova perspectiva, com mais compreensão e compaixão."

Helena Polak

Formas de Pagamento (até 12x)

Segurança

Print


Clube de Autores Publicações S/A   CNPJ: 16.779.786/0001-27

Rua Otto Boehm, 48 Sala 08, América - Joinville/SC, CEP 89201-700