ELOGIO À LOUCURA DE NIETZSCHE

O RETORNO DE ZARATUSTRA

Por Evan do Carmo

Código do livro: 11132

Categorias

Literatura Estrangeira, Psicologia

Compartilhe este livro
Esta página foi vista 19686 vezes desde 05/01/2011
Versão
impressa
R$ 51,05
Valor total:
R$ 51,05
Versão
ebook
R$ 27,01
Leia em Pensática
Valor total:
R$ 51,05
Este livro pode estar à venda na:
Este ebook também pode estar à venda na:

Sinopse

Caros amigos e entusiastas da filosofia provocativa, reunimo-nos aqui hoje para empreender uma jornada intelectual corajosa e enriquecedora. Diante de nós está o desafio audacioso de sondar as profundezas do pensamento de Friedrich Nietzsche, de explorar sua dialética penetrante de dimensão monumental, que se dedica a examinar minuciosamente a essência do nada. Uma jornada como essa exige independência de espírito e um intelecto vigoroso, capazes de navegar pelo caos absurdo dos dogmas e romper com tabus milenares. Mas, saibam, esta empreitada não é destinada aos fracos genuflexos rezadores, mas sim aos corajosos desbravadores da mente humana.

Nietzsche, esse visionário da filosofia, nos convida a transcender preconceitos místicos antiquados e nos desafia a analisar a verdadeira interpretação religiosa, sem as amarras da superstição e idolatria hipócrita. Sua filosofia reflete a lógica da fé racionalizada, destituída de medos e receios de ofender deidades de fogo ou pedra. Ele nos mostra que o maniqueísmo pequeno-burguês, que separa Deus do homem, céu do inferno, certo do errado, é tolo e insensato. O equilíbrio, como ele bem nos lembra, emerge dos opostos, com firmeza nascendo da inconstância e realidade nascendo do sonho. Essa ideia é exemplificada de maneira brilhante pela imagem do avião, que nasce do sonho humano de voar.

Nietzsche nos convida a abandonar a separação rígida em compartimentos e lacunas, pois a realidade é muito mais fluida e complexa, como a metáfora do tabuleiro de xadrez nos ilustra. O universo, regido pela dualidade, pulsa ao ritmo da luz cintilante na eterna noite, e é essa dualidade que governa os ciclos da vida. A razão apolínea e a impulsividade dionisíaca alternam-se como um pêndulo, revelando que nenhum movimento é um dínamo absoluto.

A energia cósmica, uma serpente que se contorce no espaço, encapsula a contradição entre veneno e antídoto, demônio e anjo, homem comum e Super-Homem. A virtude, afirma Nietzsche, reside na luta entre os contrários. O bom ideal triunfa sobre abismos, desfaz mitos da caverna e supera os instintos do rebanho humano mediano, através da determinação da vontade autêntica. O mau é aquele que cede pusilanimemente e fracassa. Estas teses encontram eco nas palavras de Evan do Carmo em "Elogio à Loucura de Nietzsche", um livro que envolve o leitor em uma conversa envolvente, incorporando as polêmicas ideias do filósofo germânico.

Este livro nos guia por uma interpretação literária do perfil filosófico de Zaratustra, suas jornadas, sabedoria e busca pela epifania. A linguagem de Evan do Carmo, um erudito poeta discípulo de Nietzsche, habilmente mescla sua visão de mundo com os ensinamentos da Gaia Ciência. O resultado é uma série de relatos alegóricos das aventuras de Zaratustra, situadas em um mundo repleto de desafios cabalísticos e montanhas mágicas. Essa obra eclética incorpora alusões bíblicas e referências a autores universais, desde Homero a Freud, além do pensamento enérgico do Super-Homem de Nietzsche.

Esta leitura não é simples, tampouco fluída. Exige uma inteligência perspicaz para decifrar a eloquente complexidade de Nietzsche, que às vezes confunde e desorienta, mas também cativa com sua brilhante loucura de gênio iluminado. Cautela é necessária ao abordar essa gnose profunda que "Elogio à Loucura de Nietzsche" nos apresenta. O livro sincretiza Erasmo de Roterdã, Spinoza e Schopenhauer, oferecendo uma compreensão ideal de Zaratustra.

Portanto, Evan do Carmo nos convida a explorar um roteiro fascinante para compreender a essência arquetípica do filósofo que deu vida ao mito do Super-Homem. Esta obra é uma leitura oportuna e necessária, capaz de cativar, provocar e instigar reflexões profundas. Uma fusão envolvente de literatura e ensaio filosófico, que merece ser examinada meticulosamente por sua mensagem questionadora sobre as contradições éticas e morais da humanidade.

Agradeço por sua atenção e convido a todos a embarcar nessa jornada intelectual empolgante.

Jarbas Junior

Professor de Literatura e autor de oito livros

Características

ISBN 978-85-7062-763-6
Número de páginas 132
Edição 1 (2009)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 75g
Idioma Português

Tem algo a reclamar sobre este livro? Envie um email para [email protected]

Fale com o autor

Evan do Carmo

Evan do Carmo, nascido em 29 de abril de 1964, na Paraíba, é um renomado poeta, escritor, romancista, jornalista, músico, filósofo e crítico literário brasileiro. Sua carreira é marcada por uma diversidade de talentos e contribuições para a literatura e cultura.

Desde cedo, Evan demonstrou sua paixão pelas palavras e pela expressão artística. Fundou e dirigiu o jornal Fakos Universitário, desempenhando um papel importante na disseminação de informações e ideias. Em 2009, criou a revista Leitura e Crítica, uma plataforma dedicada à análise e discussão da literatura contemporânea.

Com um impressionante catálogo de 30 livros publicados, sua obra tem alcançado leitores em 12 países, incluindo uma edição em inglês intitulada “O Moralista”. Entre suas obras estão “O Fel e o Mel”, “Heresia poética”, “Elogio à Loucura de Nietzsche”, “Licença Poética”, “Labirinto Emocional”, “Presunção”, “O Cadafalso”, “Dente de Aço”, “Alma Mediana” e “Língua de Fogo”. Além disso, Evan também contribuiu com vários contos em antologias literárias, demonstrando sua versatilidade como escritor.

O reconhecimento por sua escrita notável veio em 2005, quando foi um dos vencedores do concurso Machado de Assis do SESC DF. Em 2007, teve a honra de ser jurado na categoria de contos do concurso Gente de Talento 2007, promovido pela Caixa Econômica Federal, ao lado de Marcelino Freire.

Para além de suas habilidades literárias, Evan do Carmo também é um estudioso dedicado da obra do renomado escritor português José Saramago. Em 2015, publicou o livro “Ensaio Sobre a Loucura” e “Reflexões de Saramago”, uma obra que oferece um panorama perfeito na voz do próprio Saramago, em forma de ficção ensaísta, sobre a obra do Nobel Português.

Com o intuito de impulsionar outros talentos literários, Evan do Carmo fundou em 2016 a Editora do Carmo, realizando o sonho de mais de 500 autores, muitos dos quais não tinham recursos para publicar suas obras. Entre esses autores, destacam-se dezenas de poetas e escritores africanos de Angola e Moçambique, proporcionando uma plataforma para a divulgação de suas vozes e culturas.

Além de suas contribuições como escritor e editor, Evan do Carmo também compartilha seu conhecimento e experiência por meio de palestras e oficinas literárias. Sua dedicação em promover a literatura e ajudar outros escritores a alcançarem seus sonhos é evidente em sua atuação.

Evan do Carmo, com seu talento multifacetado e sua paixão pela literatura, continua a enriquecer a cena literária brasileira e a criar oportunidades para uma diversidade de vozes serem ouvidas. Sua dedicação incansável à escrita e ao apoio aos escritores emergentes o tornam uma figura inspiradora e um exemplo notável no campo literário. Para aqueles interessados em entrar em contato com ele para palestras e oficinas literárias, Evan do Carmo pode ser alcançado no número (61) 981188607.

Nome do link: evandocarmo.com

Mais publicações desse autor
Ver a lista completa
Impresso
R$ 55,97
Ebook
R$ 32,66
Impresso
R$ 77,23
Ebook
R$ 32,66
Impresso
R$ 53,52
Ebook
R$ 32,66
Impresso
R$ 52,58
Ebook
R$ 32,66
Impresso
R$ 68,34
Ebook
R$ 32,66
Impresso
R$ 53,41
Ebook
R$ 32,66
Impresso
R$ 53,84
Ebook
R$ 32,66
Impresso
R$ 67,70
Ebook
R$ 43,96
Impresso
R$ 52,88
Ebook
R$ 32,66
Impresso
R$ 50,38
Ebook
R$ 32,66
Impresso
R$ 50,27
Ebook
R$ 32,66
Impresso
R$ 66,04
Ebook
R$ 32,66
Comentários

Faça o login deixe o seu comentário sobre o livro.

0 comentários