FÉ INABALÁVEL
Conservadorismo Versus Relativismo Moral
Categorias
Política Social, Política Pública, Filosofia / Religião, Religião, Filosofia, Ciência Política
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 404 vezes desde 25/02/2021
Versão
impressa
R$ 34,38
Valor total:
R$ 34,38
Versão
ebook
R$ 17,11
Disponível em:
PDF
Valor total:
R$ 34,38
Este ebook também pode estar à venda na:
Sinopse

A esquerda sempre pede para que não se misture religião com política. Contudo, ela adora enfiar política na religião. Como ela faz em todas as áreas. Na quais, também pleiteia a saída da religião. Só faltando exigir que não tenha religião na religião.

O que só irá acontecer se os conservadores continuarem se escondendo atrás de uma suposta superioridade moral.

Mas para que se evite isso, é necessário falar como conservador, pensar como conservador e agir como tal.

Tendo Roger Scruton como ideal.

Dado que, em uma conferência realizada em Budapeste, ele destrinchou o relativismo moral. A principal arma argumentativa da esquerda. Assim, expondo seus pontos fracos.

Uns pontos de tensão que devem ser pressionados, a fim de que se ponha o opositor para gemer.

Características
Número de páginas 80
Edição 1 (2021)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 90g

Tem algo a reclamar sobre este livro? Envie um email para atendimento@clubedeautores.com.br

Fale com o autor
Mateusz Duarte

Todavia, eu apresento uma carreira que trafega entre o verbo e o verso e a prosopopeia e a prosa. Em que vejo o texto como uma linguagem híbrida. Que se vale das demais, para alcançar um determinado fim. Estimulando, com um mero jogo de palavras, o espectro sensorial de qualquer pessoa.

E, assim, ao longo de minha jornada, escrevi textos ligados ao entretenimento – como contos, letras de música e um romance.

Sendo que, em 2010, pelo Clube de Autores, eu publiquei “O Amante Secreto”. E, em 2012, dei sequência, ao publicar "A Quadrilha das Misses Assassinas".

Também lidando com escritos de caráter informativo – como artigos jornalísticos, informes publicitários e monografias.

Ultimamente, escrevendo artigos etílicos para o para o blog do “Empório Laura Aguiar”.

Sempre equiparando o prazer de escrever ao de ser lido.

O que faz da "clareza" uma meta. E transforma a segmentação em um exercício de articulação linguística. Que depende de códigos exclusivos. Em um estudo que requer paciência, pesquisa e persistência.

Comunidade Clube de Autores: clubedeautores.ning.com/profile/mateusduarte

Mais publicações desse autor
Ver a lista completa
Comentários

Faça o login deixe o seu comentário sobre o livro.

0 comentários