Pe.José Mauricio Nunes Garcia e um panorama de seu tempo

Edição em Português

Por Paulo Roberto Candido dos Santos

Código do livro: 13320

Categorias

Ciências Humanas E Sociais, Biografia, Geografia E Historia

Compartilhe este livro
Esta página foi vista 10464 vezes desde 05/01/2011
Versão
impressa
R$ 46,13
Valor total:
R$ 46,13
Versão
ebook
R$ 21,36
Leia em Pensática
Valor total:
R$ 46,13
Este ebook também pode estar à venda na:

Sinopse

Neste livro o autor conta a história de um dos grandes gênios musicais da música erudita do Brasil, o carioca Padre José Maurício Nunes Garcia (1767-1830) e explora o panorama da época do Rio Colonial, com a chegada da Família Real Portuguesa em decorrência da invasão das forças de Napoleão Bonaparte na Península Ibérica. Fatos como a Independência do Brasil, a Inconfidência Mineira e o Iluminismo são expostos. José Maurício foi músico da Corte Portuguesa e compos mais de 400 obras. As relações do músico com D. João VI, com o músico português Marcos Portugal e com Sigismund Neukomm são também relatadas, assim como sua extrema humildade que não permitiu um melhor aproveitamento das oportunidades que surgiram. O livro comenta o racismo que o perseguiu quando estava na Corte e comenta muitas de suas obras, em uma leitura agradável, esperando que mais pessoas conheçam este compositor brasileiro que ainda não tem o reconhecimento que merece.

Características

Número de páginas 175
Edição 1 (2009)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 75g
Idioma Português

Tem algo a reclamar sobre este livro? Envie um email para atendimento@clubedeautores.com.br

Comentários

Faça o login deixe o seu comentário sobre o livro.

1 comentários
Sábado | 17.04.2010 às 19h04
Pretendo comprar este livro. Ainda não o fiz por falta de recurso. Uma lida na página do prefácio que o programa nos proporciona já me deixou encantado; pois aconteceu o mesmo comigo. Eu próprio adquiri a tal coleção de Clássicos em 1970, e ouvi encatado a Missa de Defuntos. Já conhecia alguma coisa sobre o Padre José Maurício, mas verifico que o autor deste livro (que ainda não li) tem toda a razão: é racismo ou, senão, desprezo da mídia pela produção artística de nossos grandes maestros.