Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com tal monitoramento. Informamos ainda que atualizamos nossa Política de Privacidade.
ACEITO
Polícia Civil como Sustentáculo
Do Estado Democrático de Direito
Categorias
Administração, Direito, Desenvolvimento Humano, Liderança, Orientação
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 9103 vezes desde 05/01/2011
Versão
impressa
R$ 40,83
Valor total:
R$ 40,83
Versão
ebook
R$ 12,92
Disponível em:
PDF
Valor total:
R$ 40,83
Este ebook também pode estar à venda na:
Sinopse

Via de regra, os humildes estão lançados à fortuna do destino na efetivação do direito material, estes não têm conhecimento exato dos direitos formais garantidores dos pressupostos jurídicos e do acesso à Justiça, e quando os têm, carecem de meios necessários para efetivá-los, tais como conhecer os meios de defesa, os remédios constitucionais, acesso aos órgãos e autoridades competentes, recursos para custear as demandas judiciais etc... A Polícia Civil como órgão popular, receptivo no âmago social, busca o preenchimento desse abismo, orientando e absorvendo a demanda social, lapidando as reportagens adquiridas, estabelecendo um bojo informativo cristalizador e garantidor do direito material, remetendo-o à apreciação do Judiciário. Que, certamente, não seria acionado, via de costume, face carência financeira e desconhecimento do direito por parte da classe humilde deste país. As normas de conduta humana, às quais derivam as leis, acompanhadas da devida sanção, vêm no imperativo. O policial, como força propulsora da máquina estatal, como perseguidor do cumprimento da lei, é um dos destinatários da norma. A este incube, como a própria vida da lei, deveres altos e impostergáveis para com a sociedade. Daí, a sua imprescindibilidade no seio da sociedade e da imensa responsabilidade que pesa sobre seus ombros no efetivo mister de se manter a harmonia, a paz e o equilíbrio social.

Características
Número de páginas 154
Edição 3 (2013)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Polen
Fale com o autor
Breno Coelho Nepomuceno

Natural de Belo Horizonte/MG, 48 anos, policial civil e escritor;

Autor dos artigos publicados na Revista Ciência Jurídica e Direito (RCJ):

A Sorte está lançada;

Da Justiça Social e do Princípio da Dignidade Humana no contexto da violência urbana;

Liderança e as vicissitudes do mundo globalizado.

Autor dos livros:

Liderança, o caos é inevitável, o descontrole é de caráter. 2010.

A Polícia Civil como sustentáculo do Estado Democrático de Direito. 2010.

O sorriso reflexivo do Carpinteiro Aventureiro da história. 2011.

Surrealidade desiderativa d'alma. 2011.

O Mago Servidão Cristal e as elementares do Castelo Tempestade. 2012.

Mundo Maravilha no País da Piada Pronta. 2013.

A Presidente que não sabia onde estavam seus dentes. 2013.

Dilma no Mundo Maravilha. 2013.

Ela!. 2014.

Inquietações. 2014.

O Amor no terceiro Milênio. 2015.

Manual do Inspetor de Polícia. 2015.

Memórias da lama. 2019.

Comunidade Clube de Autores: clubedeautores.ning.com/profile/com

Mais publicações desse autor
Ver a lista completa
Impresso
R$ 39,61
Ebook
R$ 11,84
Impresso
R$ 35,18
Ebook
R$ 13,99
Impresso
R$ 39,41
Ebook
R$ 12,92
Impresso
R$ 45,70
Ebook
R$ 11,84
Impresso
R$ 35,60
Ebook
R$ 12,92
Impresso
R$ 42,79
Ebook
R$ 13,99
Impresso
R$ 42,42
Ebook
R$ 13,99
Comentários
1 comentários
Ten Cel Fernando Celso
Sábado | 29.01.2011 às 13h01
Como policial militar há mais de 20 anos, operador do direito e militante da segurança pública, fiquei muito feliz com o livro do colega policial civil. O Sr. Subinspetor usou de sua experiência prática e técnica para elaborar um verdadeiro manual àqueles desconhecedores da segurança pública, os "especialistas" que se arvoram diariamente em programas obcenos nas nossas televisões. Parabéns!