PANTOMIMA
Poesia Reunida
Categorias
Poesia, Ficção, Literatura Nacional
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 3354 vezes desde 04/08/2014
Versão
impressa
R$ 38,33
Valor total:
R$ 38,33
Valor total:
R$ 38,33
Sinopse

Eu deixo a guerra para os heróis! De toda traição, hoje já trato da minha morte. Sigo para que algo meu sobreviva, justifique tantos anos de correria vazia, perdas irreparáveis, sofrimento e incompreensão. Nada me abate. Não me revolto mais. Sofro talvez o pior dos sentimentos: a insensibilidade! Tudo em mim funciona perfeitamente menos o coração. Não o ceticismo, pois este se banha no cinismo. Nem o negativismo, já que este é tão somente a mesma fralda suja posta ao avesso. Estou bestializado, catatônico por um estupor de stress. Estou fatigado num jardim entre ruínas, flores bêbadas, árvores em delírios narcóticos desprendendo os seus frutos podres dando a luz no esgoto... Observo sem o som; a pantomima, a cotidiana cena cansada das musas descabeladas; das fezes pelo chão, dos cães insistentes... O gozo no impenetrável, numa vagina de aço; mumificada... Ainda que na palavra, um teatro sem fala... A vida descolorida diariamente agraciada pela mosca na sopa; um fel intragável e indigesto. Não a melancolia, pois esta é uma das dores mais doces. Não a tristeza, pois esta é apenas morrer de amor... Só o vidro opaco do horizonte, as janelas sujas... Deus entrevado!

Características
Número de páginas 180
Edição 2 (2014)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura c/ orelha
Coloração Preto e branco
Tipo de papel Offset 75g
Fale com o autor
André Alvim Resende

André Alvim Resende nasceu em Brasília no dia 7 de Abril de 1971. Em Agosto de 1984 mudou-se de Brumado na Ba para Pouso Alegre MG. Lá estudou no colégio São José que anualmente promovia concursos literários, o que despertou o seu gosto pela escrita e ele começou a escrever os seus primeiros versos. Em 1989 mudou-se para Belo Horizonte, onde na PUC-MG formou-se em Psicologia em 1994. André é especialista na área de RH, mora atualmente em Uberlândia MG, e nunca deixou de se dedicar à poesia. Possui diversos livros publicados no clube de autores www.clubedeautores.com.br . As suas influências seguem pelo caminho seguro dos nossos grandes nomes da poesia como Drummond, Vinícius, Manuel Bandeira, Cruz e Souza, João Cabral de Melo Neto, como também o chileno Pablo Neruda. Ademais, entra toda a riqueza da MPB que cotidianamente e como expressão maior da nossa cultura, tem forte reflexo na sua escrita, como Gil, Caetano, Chico, Tom Jobim, e os grandes nome da atualidade, como Lenine, Zeca Baleiro, Otto e muitos mais.

Publicações relacionadas
Ver a lista completa
Comentários
0 comentários