A Gramática de Wagner
Código do livro: 252117
Categorias
Ciências Humanas E Sociais, Educação, Literatura Nacional
Compartilhe este livro
Esta página foi vista 1011 vezes desde 16/04/2018
Versão
impressa
R$ 46,26
Coloração
Acabamento
Valor total:
R$ 46,26
Valor total:
R$ 46,26
Este livro pode estar à venda na:
Sinopse

Esta Gramática é minha (de Wagner) e não a Gramática da Norma Culta, pelo menos no que tange à mania das Gramáticas de colocar apenas uma variante da língua como soberana. Ela é proveitosa no sentido de auxiliar na continuação do eterno aprender acerca de nossa tão complexa gramática com sua multidão de regras. Considero uma ferramenta que auxilie também o professor no planejamento das suas aulas de leitura e produção de texto e de gramática. Os estudantes de Ensino Fundamental e Médio e os “concurseiros” gostarão muito desta minha gramática porque eu usei uma linguagem muito próxima da oralidade e do dia a dia de cada um deles. Não escolhi enfadá-los com as regras excessivas e polêmicas que nem os gramáticos já chegaram a um consenso. Antes, coloquei aqui apenas as regras que considerei básicas para resolver uma questão de um concurso e de um processo seletivo e expus aqui os mecanismos propostos pelos autores citados nas referências bibliográficas, sobre como interpretar e produzir os mais variados tipos de texto

Características
ISBN 978-65-001-5463-4
Número de páginas 388
Edição 1 (2016)
Formato A5 (148x210)
Acabamento Brochura
Tipo de papel Offset 75g

Tem algo a reclamar sobre este livro? Envie um email para atendimento@clubedeautores.com.br

Fale com o autor
WAGNER A.S.CHAVES

Wagner A. S. Chaves (seu nome autoral e pseudônimo literário) aos nove anos de idade, foi viver com os padres diocesanos, para que pudesse avançar seus estudos porque, para uma criança de sua idade, ele possuía uma inteligência avançada: já sabia ler, já escrevia textos pequenos e já sabia muito sobre a Igreja Católica Apostólica Romana. Viveu a infância em Janaúba, Monte Azul e em Porteirinha -MG. Mudou-se em 1995 para Bocaiúva, em 2002 para Januária e hoje mora em Montes Claros. Viajou para Portugal até à Cova da Iria, em Fátima, onde ocorre a devoção a Nossa Senhora de Fátima. Estudou a língua inglesa no Centro de Cultura Anglo Americana - CCAA dos anos 1995 a 1999 e fez o curso de teclado no Conservatório Estadual de Música Lorenzo Fernandes. Dos nove até os 21 anos de idade, Wagner morou com os padres e depois fez o curso de Teologia. Em 2002, depois de participar dos encontros vocacionais e do Caminho Católico Neo-catecumenal, afastou-se da sua vocação de ser padre devido à discordâncias teológicas e foi fazer o curso de Letras na Universidade Estadual de Montes Claros - Unimontes, cuja colação de grau foi em 2006. Após iniciar o trabalho na Secretaria Estadual do Meio Ambiente, Wagner decidiu cursar Geografia Licenciatura na Unimontes, de 2012 a 2016, em 2018 matriculou-se no curso Geografia Bacharelado nesta mesma universidade. Com a aprovação no Mestrado em Geografia no processo seletivo 1/2020, iniciou os estudos no Mestrado em Geografia em março de 2020. Prestou serviço público de 2007 a 2016 na Secretaria Estadual do Meio Ambiente e de 2017 a 2020 na Secretaria de Estado da Saúde. Hoje, leciona Gramática, Literatura e Geografia em cursos preparatórios para Vestibulares e para o ENEM. É autor dos seguintes livros publicados: As Estórias Mal Contadas ( 2015); 2. Intolerância Religiosa (2016); 3. A Enchente de 1979 em Januária (2015); 4. Memórias do Poço Dantas (2015); 5. Sai dela, povo meu! ( 2016); 6. Por que sou católico apostólico romano? (2016) 7. Homem Bomba (2015).

Comentários

Faça o login deixe o seu comentário sobre o livro.

0 comentários